Com 62 mortes, PRF registra mÍs de julho mais violento na Bahia desde 2013