Entretenimento

Cantor Biel é condenado a pagar R$ 4.400 para instituição por injúria a jornalista

O cantor Biel foi condenado nesta segunda-feira (10) a pagar R$ 4.400 a uma instituição de caridade em processo movido pela jornalista Giulia Pereira. O cantor tem 30 dias para fazer o depósito em conta judicial do Estado - a instituição a ser beneficiada pelo dinheiro ainda vai ser definida pela Justiça. 
 
Ana Paula Cortez, advogada da jovem, afirmou ao Ego que depois da audiência, que aconteceu no Juizado Especial Criminal de São Paulo, Biel pediu desculpas à jornalista. "Ela aceitou e disse que só esperava que ele tivesse aprendido a lidar com o ser humano e explicou que não era nada pessoal. Os dois conversaram ao nosso lado, sem nenhuma intervenção dos advogados. Zeramos esse assunto", explicou.
 
A advogada disse que Giulia não teve medo de reencontra Biel, mas se emocionou na conversa. "Ela só queria que ele aprendesse a tratar bem as pessoas". O cantor estava acompanhado do pai e do advogado.  Giulia disse à imprensa, na saída, que não queria falar sobre o assunto, afirmando apenas estar tranquila com o desfecho.
 
Relembre
Biel foi acusado de assediar a jornalista, que trabalhava na época no iG, durante uma entrevista. Depois de tentar diminuir o assunto, o cantor acabou se pronunciando em vídeo e pediu desculpas à repórter, afirmando estar arrependido pelo que havia dito.
 
Depois dessa acusação, Biel se envolveu em um acidente de trânsito em Lorena, no interior de São Paulo, e foi acusado pela vítima de não prestar socorro. A assessoria do funkeiro afirmou na ocasião que ele não viu a jovem caída após o acidente e por isso não a socorreu. 

Categorias

Famosos




Classificados


Enquete



Mais Lidas