Esportes

Vitória

Vitória

22 de Mar // | Vitória
A contratação de Cleiton Xavier pelo Vitória atendeu a um pedido do técnico Argel Fucks. No início da temporada, assim que renovou contrato com o clube baiano, o treinador fez uma lista de reforços que contava com o nome do meia. Para contar com o jogador, o Rubro-Negro precisou emprestar a jovem promessa Yan ao Palmeiras, com valor de compra estipulado.
 
E, apesar de ter um histórico vitorioso, Cleiton Xavier desembarcou na Toca do Leão em meio a questionamentos.  O histórico recente do meia de 33 anos era o principal motivo de críticas. Contratado pelo Palmeiras em 2015, ele sofreu com problemas musculares e pouco atuou. Na temporada passada, a frequência em campo foi maior, mas com pouco papel de destaque. Em 35 jogos, foram quatro gols marcados. 
 
Mas bastou pouco tempo com a camisa rubro-negra para Cleiton Xavier se tornar peça fundamental no esquema do técnico Argel Fucks. Das 16 partidas realizadas no ano, ele atuou em 13 e balançou as redes em quatro oportunidades. Em início de temporada, o meia ainda não conquistou títulos pelo Vitória, mas considera que a temporada atual é melhor que a passada, quando faturou o Campeonato Brasileiro pelo Palmeiras.

Vitória

22 de Mar // | Vitória
Chegou a hora de mostrar por que o Vitória tem uma das melhores campanha do Brasil em 2017. Em mais uma decisão, o rubro-negro vai até Aracaju para encarar o Sergipe, no Batistão, às 21h45. O jogo será nesta quarta (22) e vale vaga nas quartas de final da Copa do Nordeste. 
 
Como é dia de jogo importante, vamos ao que o torcedor quer saber: para classificar, tem que fazer o quê? Um empate já garante o Leão na próxima fase, mas é bom vencer, para que o rubro-negro tente fazer uma das quatro melhores campanhas no geral e garanta que o jogo de volta das quartas de final será no Barradão. É bom nem pensar em perder. Se isso acontecer, o torcedor precisa secar Itabaiana, Santa Cruz e River.
 
Pelo menos um desses times precisa ter saldo pior que o do Leão para que ele passe às quartas. A derrota, porém, está fora dos planos. Pelo menos é o que garante o goleiro Fernando Miguel. “É o jogo da vida das duas equipes. Vamos procurar fazer um bom trabalho para vencer. O Sergipe está fazendo uma grande campanha na Copa do Nordeste e merece respeito. Temos que atuar de forma inteligente para sair da casa deles com a classificação garantida”, disse.

Vitória

21 de Mar // | Vitória
Uma partida complicada. É o que espera o meio-campista Cleiton Xavier, do Vitória, para o confronto contra o Sergipe, nesta quarta-feira (22), às 21h45, válido pela última rodada da fase de grupos da Copa do Nordeste. "A gente está esperando um campo lotado e com pressão da torcida. O time deles é uma boa equipe. Jogamos aqui no início da competição".
 
"Sabemos que estão muito bem na competição e que venceram um clássico. Temos que ir com a mentalidade de decisão. Realmente é uma decisão, como tem sido nos últimos jogos. Até o Argel [Fucks, treinador do time] tinha falado que em uma semana a gente pode definir o nosso futuro. Foi assim na Copa do Brasil [contra o Vasco] e conseguimos passar. No Baiano conseguimos a classificação. E agora outra decisão para a gente poder passar para a próxima fase do Nordeste", declarou.
 
Cleiton ainda admitiu que a equipe costuma a jogar melhor em partidas decisivas. E ele pediu “algo a mais” ao time para o confronto diante do Gipão. “Acho que é muito de atleta... Quando o jogo é decisivo e que vale mais, todo mundo se concentra mais e dar algo a mais. O adversário também (...) Então tudo isso gera algo a mais. E nessas decisões se não der um algo a mais fica difícil. É com esse espírito que temos que ir para o jogo de amanhã”, finalizou.

Vitória

20 de Mar // | Vitória
A Corte Arbitral do Esporte (CAS) atendeu o pedido do Internacional e antecipou a audiência sobre o Caso Victor Ramos para o dia 4 de abril, uma terça-feira. Com isso, o julgamento acontecerá antes da estreia do Campeonato Brasileiro da Série B 2017, o que dá a possibilidade do clube gaúcho de retornar à primeira divisão através da Corte, em caso de decisão favorável ao clube colorado.
 
Na ocasião, a audiência será presidida por um italiano, um português e um israelense. Segundo reportagem do site espn.com.br, o Vitória definiu Marcos Motta, que representa Neymar e Thiago Silva, como seu advogado. Já a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) terá Lucas Ferrer, que presta serviço ao Barcelona e trabalhou na própria Corte, como seu defensor.
 
Para o Inter, existe uma irregularidade no inscrição de Victor Ramos pelo Leão da Barra em 2016, já que o atleta tinha direitos ligados ao Monterrey e precisaria respeitar a janela de transferências internacionais. Entretanto, CBF e Vitória alegam que a documentação de inscrição não retornou ao México depois do final de seu contrato com o Palmeiras, equipe no qual atuou sob empréstimo, e a transação pôde ser concluída como uma transferência nacional.

Vitória

20 de Mar // | Vitória
Após mais um resultado positivo acompanhado de críticas ao desempenho da equipe, o treinador do Vitória foi mais comedido na entrevista coletiva. O treinador reconheceu que não foi uma partida brilhante, mas ressaltou que o resultado é o mais importante. "Fizemos um partida pro gasto, para conseguir nossa classificação antecipada dentro do Campeonato Baiano".
 
"O mais importante para mim é analisar os jogadores, dar oportunidade, para a imprensa olhar, tirar opiniões, para eu tirar opiniões, para o torcedor ver, jogadores que não vinham jogando, como eles estão. O resultado foi bom, não foi uma partida brilhante. Fizemos o mínimo para conseguir a vitória e conquistar os três pontos", afirmou Argel Fucks.
 
Na próxima quarta-feira (22), o Rubro-Negro tem outro compromisso marcado, desta vez pela Copa do Nordeste, contra o Sergipe. Fora de casa, o Leão precisa de um triunfo para garantir a primeira colocação do Grupo. O Vitória continua com 100% de aproveitamento no Campeonato Baiano. Em confronto disputado na tarde de domingo (19), no Barradão, o time Rubro-negro venceu o Jacuipense por 1 a 0.

Vitória

19 de Mar // | Vitória
O Vitória continua com 100% de aproveitamento no Campeonato Baiano. Em confronto disputado na tarde deste domingo (19), no Barradão, o time Rubro-negro venceu o Jacuipense por 1 a 0. O gol foi anotado pelo atacante Pineda. Com o resultado, o Leão chegou aos 21 pontos e permanece na liderança isolada do certame estadual.
 
Agora, o Vitória volta suas atenções para a Copa do Nordeste. O time dirigido pelo técnico Argel Fucks vai pegar o Sergipe, quarta-feira (22), às 21h45, no Batistão, em Aracaju, pela última rodada da fase de grupos do torneio regional. Em homenagem ao Dia Internacional da Síndrome de Down, celebrado no dia 21 de março, os jogadores do Vitória  entraram em campo com 15 crianças da APAE Salvador.
 
O técnico Argel Fucks, do Vitória, decidiu poupar alguns titulares e colocou em campo um time misto. Jogadores como Cárdenas, Caíque, Bruno Ramires, Vinícius e Norberto, ganharam uma oportunidade na equipe. A primeira chance de perigo do jogo foi criada pelo Jacuipense logo no primeiro minuto. Araripina fez lançamento para Lídio, que ganhou na velocidade e cruzou para Levi.

Vitória

18 de Mar // Gildásio Cavalcante | Vitória
Depois da classificação contra o Vasco, o técnico Argel Fucks afirmou que deve poupar alguns jogadores no próximo jogo, devido ao desgaste, mas ainda não decidiu quais serão os nomes.
 
O treinador ficou na bronca com escalações confirmadas por sites de notícias e diz que passará a divulgar time antes dos jogos no site oficial do Vitória.
 
"Vamos ver. A escalação vai sair no site, viu? No veículo oficial do clube.

Vitória

17 de Mar // | Vitória
Gols decisivos nos últimos dois jogos. Um manteve o Vitória vivo na briga para se classificar na Copa do Nordeste, outro cravou a vaga na quarta fase na Copa do Brasil. Alan Costa? Nunca criticamos. Na quinta-feira (16), o zagueiro artilheiro brilhou mais uma vez. No Barradão, despachou o Vasco com categoria e ainda teve discurso humilde no apito final do árbitro.
 
“Estou muito feliz e dedico à minha esposa, que fez uma cirurgia e não pôde vir. Peguei esse apetite por gol, mas eles são para o Vitória, não para mim. Muitos falaram que estávamos ganhando e com bons números porque não pegamos time grande. Eliminados um time de Série A”, disse Alan Costa.
 
Quem também estava feliz da vida era o atacante Paulinho. Jogador do Flamengo, ele ironizou o rival alvinegro. “Mostrei meu futebol. Eu respeitei, se eles entenderam que eu estava provocando, problema deles. Vencer o Vasco é muito especial. Acho que é um costume meu. Teve um gostinho muito bom”, avaliou. Já o volante José Welison, que meteu duas bolas na trave, fez questão de falar da grandeza do Leão.

Vitória

16 de Mar // | Vitória
O Vitória está classificado para a próxima fase da Copa do Brasil. Em duelo disputado nesta quinta-feira (16), no Barradão, o time Rubro-negro venceu o Vasco da Gama por 1 a 0. O gol foi marcado pelo zagueiro Alan Costa na etapa final. O Leão irá conhecer o seu adversário na quarta fase da Copa do Brasil na sexta-feira (17). A CBF vai definir os confrontos por meio de sorteio.
 
O próximo compromisso do Vitória é contra o Jacuipense, domingo (19), às 16h, no Barradão, pela oitava rodada do Campeonato Baiano. O confronto com as duas equipes buscando o jogo. Porém, isso não foi o suficiente para lances de perigos nos minutos iniciais. O técnico Cristóvão Borges teve um problema logo aos cinco minutos. O zagueiro Rodrigo se queixou de dores musculares e precisou ser substituído por Jomar.
 
Aos 26, Cleiton Xavier abriu com Kieza, que cortou Gilberto e tocou rasteiro na área do Vasco, mas não encontrou ninguém. David dividiu a bola com o marcador, que caiu no chão e encostou a bola com a mão. O árbitro considerou o lance normal e mandou seguir o jogo. O Vasco quase abriu o placar aos 27. Henrique puxou contra-ataque e chutou no gol para a boa de defensa de Fernando Miguel. Nenê pegou o rebote, mas a bola foi para fora.

Vitória

16 de Mar // | Vitória
O Vitória esteve a três minutos de garantir uma vantagem considerável para a decisão desta quinta-feira diante do Vasco, pela Copa do Brasil. A equipe, com um jogador a menos, vencia o primeiro duelo até os 47 minutos da segunda etapa, quando Nenê, de pênalti, empatou – o juiz soprou o apito pela última vez aos 50. 
 
Ali, a vantagem praticamente desmoronou e igualou novamente os times para o duelo final: O Rubro-Negro baiano tem a seu favor, agora, apenas o empate sem gols. Fora isso, precisa vencer a partida marcada para 19h30, no Barradão. Um novo 1 a 1 leva a decisão para as cobranças de penalidades.
 
O gol marcado por Nenê, em pênalti sofrido pelo próprio [vacilo de David na marcação ao cometer a infração de maneira boba], faz com que o Vasco não precise chegar a Salvador desesperado para marcar o tão sonhado gol fora de casa. Os cariocas precisam do gol, é claro, mas dificilmente vão partir para cima com tudo e abrir os espaços que o técnico Argel Fucks tanto sonha para pôr em prática aquilo que prega em suas equipes:

Vitória

16 de Mar // | Vitória
A Copa do Brasil sempre traz uma possibilidade real de decisão por pênaltis a cada fase e nesta quinta-feira (16), às 19h30, no Barradão, basta um novo empate por 1x1 entre Vitória e Vasco para que o torcedor rubro-negro viva uma aflição indesejada. Na última terça-feira, Argel Fucks treinou bastante cobranças de pênalti e até mesmo os goleiros bateram. 
 
Se no gol a confiança é grande pelo fato do Leão ter Fernando Miguel, um especialista no quesito “pegar pênaltis”, o grande problema para o treinador Argel Fucks tem sido o aproveitamento ruim dos seus cobradores. Segundo os pesquisadores Fred Flávio e Marcelo Monteiro, foram nove penalidades marcadas para o Vitória sob o comando de Argel e apenas três convertidas. O mais curioso é que seis jogadores erraram suas cobranças. 
 
No ano passado, Diego Renan desperdiçou contra o Botafogo, no Barradão, Kieza e Zé Love perderam na Ilha do Retiro, diante do Sport e Cárdenas também errou contra o Cruzeiro. Este ano, Patric e André Lima desperdiçaram no mesmo jogo, contra o Botafogo da Paraíba. O único gol de pênalti  na temporada foi justamente contra o Vasco, no jogo de ida, em São Januário, convertido por Patric. 

Vitória

15 de Mar // | Vitória
O técnico Argel Fucks, do Vitória, tem um aproveitamento de 83,3% nesta temporada. A equipe disputou 14 jogos, venceu 11, empatou duas e perdeu uma. Porém, as exibições da equipe não têm agradado aos torcedores e o treinador vem sendo alvo de críticas. O meio-campista Cleiton Xavier saiu em defesa do comandante Rubro-negro.
 
“Isso é impressionante. Já estou muito tempo no futebol e é difícil opinar numa situação dessas. Nunca tinha passado por isso. Argel perdeu apenas um jogo e está sendo questionado. O mais importante é que o elenco e a diretoria sabem do potencial do Argel e o trabalho que está sendo feito. Não existe desconfiança entre nós. É seguir nessa pegada, que coisas melhores virão”, disse. 
 
O Vitória encara o Vasco nesta quinta-feira (16), às 19h30, no Barradão, válido pela partida de volta da terceira fase da Copa do Brasil. Cleiton espera um grande jogo. “Amanhã promete um grande jogo. Espero que o Vitória possa sair com o triunfo e fazer um grande jogo”, afirmou. Para se classificar, o Vitória pode empatar sem gols, já que o primeiro jogo terminou em 1 a 1.

Vitória

15 de Mar // | Vitória
Para o Vitória, basta não sofrer gols no jogo desta quinta-feira, contra o Vasco, para garantir a classificação na próxima fase da Copa do Brasil. Depois de empatar em 1 a 1 na partida de ida, em São Januário, o Rubro-Negro tem a vantagem de jogar por um empate sem gols no Barradão para avançar na competição.
 
E, no que depender da defesa do Leão, a tarefa da equipe carioca não vai ser fácil. Alvo de críticas no início da temporada, o sistema defensivo do Vitória tem sido destacado pelos próprios jogadores. Nos últimos cinco jogos, a equipe sofreu apenas um gol, justamente na partida de ida para o Vasco, após pênalti cometido por David.
 
- É dar continuidade. Em todo jogo a gente não quer tomar gol. A gente vem fazendo bons jogos. Tomamos gol no jogo contra o Vasco, mas, para mim, não foi falta. A meta nossa é não tomar gol. A gente entra para vencer e, se não tomar gol, melhor ainda – disse o zagueiro Alan Costa em entrevista coletiva concedida nesta terça-feira. Além de contribuir atrás, a defesa do Vitória também tem ajudado o sistema ofensivo do time.

Vitória

14 de Mar // | Vitória
Números excelentes, um dos melhores aproveitamentos do país, time na terceira fase da Copa do Brasil, liderança no Campeonato Baiano e vice-líder na Copa do Nordeste. Só alegria? Não. Na Toca do Leão, o buraco é mais embaixo. Se as críticas são exageradas ou não, pouco importa. O goleiro Fernando Miguel admite que o time realmente tem deixado a desejar e garante compreender o sentimento do torcedor.
 
“Não tem como medir se há exagero. O torcedor tem seu ponto de vista de ver partidas. A gente precisa respeitar isso. Não pode ficar incomodado porque o torcedor não está satisfeito com a apresentação da equipe. Nós temos que fazer nosso papel, trabalhar, se empenhar. Os resultados têm sido satisfatórios, há muito tempo não tínhamos uma arrancada dessa, mas sabemos que precisamos evoluir no desempenho”, analisa.
 
Se existe hora de mudar e finalmente apresentar um futebol redondinho para a turma da arquibancada, ela pode estar logo ali. Na quinta-feira (16) , o Leão encara o Vasco pela terceira fase da Copa do Brasil, às 19h30, no Barradão. E é jogo decisivo. Como o jogo de ida foi 1x1 no jogo de ida, no Rio de Janeiro, o Leão precisa vencer ou empatar em 0x0 para avançar à quarta fase. Novo empate em 1x1 leva a decisão para os pênaltis e, partir de 2x2, classifica o Vasco.

Vitória

14 de Mar // | Vitória
Alvo de críticas no início da temporada, a defesa do Vitória conseguiu subir de produção. Nos últimos cinco jogos, apenas um gol foi marcado contra a retaguarda rubro-negra – no empate em 1 a 1 com o Vasco. Um dos responsáveis pela solidez da equipe é o goleiro Fernando Miguel. No domingo, ele foi titular no triunfo por 1 a 0 sobre o Botafogo-PB, no Barradão.
 
Até o momento, o Vitória disputou 14 jogos na temporada e sofreu 11 gols, média inferior a um por partida. O bom momento contrasta com os questionamentos feitos ao técnico Argel Fucks nas primeiras semanas de 2017, quando o Rubro-Negro chegou a ter mais gols sofridos do que números de jogos no ano. Fernando Miguel comemora a evolução do setor e compartilha o crescimento com a equipe. 
 
- Acho que essa evolução da defesa não é só mérito de quem está lá atrás. É de toda equipe, do trabalho do Argel. O Argel pede que os atacantes acompanhem os laterais e já comecem a pressão. Acaba tirando um pouco da pressão de lá de trás e gerando um pouco mais de facilidade para controlar as ações. Ofensivamente está indo bem, defensivamente também. A gente espera seguir nessa evolução, melhorar, para ter um ano seguro e conquistar grandes coisas pelo Vitória.  

Vitória

13 de Mar // G1 | Vitória
O elenco do Vitória voltou aos treinos na tarde desta segunda-feira, um dia após o triunfo por 1 a 0 sobre o Botafogo-PB, pela Copa do Nordeste. Na reapresentação, os atletas que atuaram por mais de 45 minutos no fim de semana realizaram um trabalho regenerativo na Toca do Leão. Os demais jogadores participaram de uma atividade técnica. 
 
O treino com bola contou com a presença de Paulinho. Com uma lesão no tornozelo, ele ficou fora da partida contra o Botafogo-PB. Recuperado, o atacante participou de um trabalho de finalizações, mas não atuou em um trabalho com foco na posse de bola, onde times se enfrentavam em espaço reduzido. Segundo a assessoria de imprensa do clube, o atleta será reavaliado pelo departamento médico e a tendência é que seja liberado para voltar a jogar. 
 
O zagueiro Fred, em tratamento de um trauma no joelho, treinou à parte. Pisculichi realizou um treino físico em separado, enquanto Dátolo ficou no Departamento Médico.   O Vitória volta a jogar na quinta-feira, às 19h30 (de Brasília), contra o Vasco, pela terceira fase da Copa do Brasil. A partida será realizada no Barradão e o Rubro-Negro avança na competição em caso de empate sem gols ou triunfo por qualquer resultado. 

Vitória

13 de Mar // Galaticos Online | Vitória
Após o triunfo sobre o Botafogo (PB), no Barradão na noite deste último domingo (12), Argel Fucks, mais uma vez, foi na contramão da torcida do Vitória. Os torcedores vaiaram o time, que teve mais uma atuação ruim. O técnico, porém, enalteceu a equipe pelo que chamou de "exibição convincente".
 
"Criamos enumeras oportunidades. Não me lembro nos 90 minutos o Fernando ter feito defesas. Quem fez foi o Michel. Foi uma exibição convincente, segura. Nem quando goleamos o Flamengo, conseguimos produzir como hoje. Controlamos o adversário do começo ao fim. O resultado fortalece nosso trabalho. Temos já uma solidez defensiva. Fizemos nosso dever, que é jogar dentro de casa, ganhar e conquistar mais três pontos", disse.
 
Quem mereceu elogios do treinador, também, foi o zagueiro Alan Costa, autor do gol, que bastante criticado pela torcida no início da temporada. "Nós sabíamos da qualidade dele quando trouxemos. Jogador jovem, tem 26 anos, mas é experiente. Já disputou duas Libertadores. Quando trouxemos ele, foi com convicção. Ele precisava de uma adaptação, demos tempo a ele. Para mim não é novidade. O Alan vai aparecer muito ainda, está crescendo".

Vitória

12 de Mar // | Vitória
Em dia de fortes emoções, o Vitória perdeu dois pênaltis, mas venceu o Botafogo-PB neste domingo (12), por 1x0, no Barradão. A vaga nas quartas de final só será decidida na última rodada, dia 22, quando o rubro-negro e o Sergipe, ambos com 10 pontos, se enfrentam no Batistão. Como o Sergipe tem um gol a mais no saldo, joga pelo empate.
 
Para avançar, o Leão precisa vencer ou torcer por uma combinação de resultados para ser um dos três melhores segundos colocados.  O primeiro tempo já começou quente. Com seis minutos, Wanderson derrubou Pineda na área e o árbitro marcou o pênalti. André Lima cobrou no canto direito do goleiro Michel Alves, que defendeu.
 
Tudo bem. Se o atacante não faz, os zagueiros mostram o caminho do gol. Dez minutos depois, Gabriel Xavier cobrou escanteio, Kanu cabeceou e a bola sobrou para Alan Costa. Livre, o zagueiro empurrou para o gol e fez 1x0. Superior no jogo, o rubro-negro ainda tentou ampliar o marcador em boa jogada de Patric, que fez um cruzamento para a área. André Lima cabeceou, mas Michel Alves fez bela defesa.

Vitória

09 de Mar // | Vitória
A passagem de Leandro pela Toca do Leão não durou muito. E teve um fim curioso. Após chegar ao Vitória para um período de testes - e ser aprovado -, o próprio atleta pediu o desligamento da equipe baiana. De acordo com o diretor de futebol do Rubro-Negro, Sinval Vieira, o meia-atacante citou um pedido divino para justificar a decisão de deixar Salvador. 
 
- “Deus está pedindo para eu ir, melhorar e voltar”. Foi a expressão que ele usou para sair. É uma pessoa evangélica e usou essa expressão - disse o dirigente em entrevista ao GloboEsporte.com. Com 23 anos, Leandro foi confirmado como 16ª contratação do Vitória em fevereiro. Ele era titular do CSP, equipe da Paraíba, tinha disputado cinco jogos e feito um gol. 
 
- Leandro é um jogador da Paraíba, jovem atleta que estamos trazendo. É como se fosse uma aposta. Foi bem no Campeonato Paraibano. Assim como fizemos com Brhyan, fizemos com ele. Jogadores jovens que estão se destacando em estaduais estamos trazendo. Jogadores para a gente ver aqui. Às vezes é daí que sai o que a gente precisa - disse Sinval Vieira na ocasião.

Vitória

09 de Mar // | Vitória
Reencontro com um antigo xodó, jogo com cara de decisão e um sonho em jogo. A partida desta quinta-feira (9) promete. Às 19h15, Vitória e Vasco se enfrentam no jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil, em São Januário, no Rio de Janeiro. Diferente das duas primeiras fases, disputadas em jogo único, nesta etapa haverá jogos de ida e volta, e gol fora de casa é critério de desempate.
 
O confronto de volta acontecerá no dia 16, no Barradão. Além de ser uma competição em que não há espaço para vacilo, a Copa do Brasil é prioridade para diretoria, jogadores e torcedores do Vitória. A escalação do time, no entanto, é mistério. Argel não fez nenhum coletivo aberto à imprensa e, fugindo da sua rotina, não revelou quem serão os titulares.
 
Possíveis alterações são as entradas de Patric na vaga de José Welison e David no lugar de André Lima. Com isso, o provável time que irá a campo será formado por Fernando Miguel, Patric (José Welison), Kanu, Alan Costa e Euller; Willian Farias, Uillian Correia e Cleiton Xavier; Gabriel Xavier, Kieza e  David (André Lima).

Vitória

08 de Mar // | Vitória
O técnico Argel Fucks contava com um reforço de peso para o jogo mais importante do ano até então, quinta-feira (9), contra o Vasco, às 19h15, em São Januário, pela Copa do Brasil. Enquanto os demais jogadores encaravam a maratona de jogos, o camisa 10 Dátolo era preparado para o confronto decisivo. No entanto, o departamento médico do Vitória vetou o meia, que sofreu nova lesão e vai ficar sem treinar por cerca de 15 dias.
 
“Ele teve uma dor domingo, no treino, na musculatura anterior. Tiramos ele do treino e fez exame, que deu uma pequena lesão, um estiramento na musculatura. Já está fora do jogo de quinta e na outra semana também. A recuperação será de dez a 15 dias. Não menos do que isso. Só vai voltar quando tiver 100%”, decreta o médico Rodrigo Vasco da Gama.
 
Dátolo não tem conseguido engatar uma sequência de jogos no Vitória por causa das lesões. O Leão já fez 12 partidas na temporada e o argentino só esteve em campo em cinco delas, sendo duas como titular. Em 2016, pelo Atlético-MG, viveu o mesmo problema. Foram quatro lesões musculares. Outro desfalque importante é o zagueiro Fred, que sofreu um trauma no joelho na partida contra o Galícia, pelo Campeonato Baiano, e segue no departamento médico.

Vitória

08 de Mar // | Vitória
Depois de se recuperar de uma entorse no tornozelo e ficar fora dos últimos três jogos pelo Vitória, o meia Dátolo sofreu um novo problema e vai continuar afastado da equipe principal. Segundo o médico do clube, Rodrigo Vasco da Gama, o meia foi diagnosticado com uma lesão na musculatura anterior da coxa.
 
- Ele teve uma entrose, tratou, já tava recuperado e tava treinando. Ele me falou que sentiu desconforto e tirei. [...] Foi domingo [dia 5 de março], no treino pela manhã. Ele sentiu desconforto na região anterior da coxa. Pedimos uma ressonância ontem e teve o resultado hoje. Ele está com uma lesão que não é grande, extensa, mas que requer recuperação - disse Rodrigo Vasco da Gama.
 
Embora, segundo o médico do Vitória, tenha sentindo o problema no domingo, Dátolo treinou normalmente na última segunda-feira. O meia participou das atividades no campo com os jogadores reservas.De acordo com Rodrigo Vasco da Gama, a previsão de recuperação do meia argentino é de cerca de dez dias.  - Difícil precisar, mas diria não menos do que dez dias [de recuperação]. Agora, vamos aguardar a evolução.

Vitória

07 de Mar // | Vitória
O técnico Argel Fucks, do Vitória, optou por restringir a participação da imprensa no treino desta terça (7), no Barradão, de olho no confronto contra o Vasco. Os jornalistas tiveram acesso apenas aos 15 primeiros minutos do treino, momento em que os atletas faziam aquecimento. Argel relaciona 20 atletas para partida contra o Vasco; Fred segue no DM
 
 De acordo com a assessoria de imprensa do clube, o técnico Argel orientou um trabalho tático e de finalização. O meio-campista Dátolo, que sofreu uma lesão muscular, realizou tratamento no departamento médico. Já Fred treinou separadamente sob a supervisão de Lucas Itaberaba, auxiliar da preparação. O defensor se recupera de um trauma no joelho. O argentino Pisculichi segue o trabalho de recondicionamento físico.
 
Ele teve um problema muscular. O elenco encerra a preparação para o confronto contra o Vasco na manhã desta quarta-feira (8) e logo depois segue para o Rio de Janeiro, local da partida. O duelo está marcado para quinta (9), às 19h15, em São Januário, pelo jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil. Confira a lista completa: Goleiros: 

Vitória

07 de Mar // | Vitória
A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou uma alteração para o duelo de volta envolvendo o jogo entre Vitória e Vasco da Gama, pela Copa do Brasil. O confronto estava programado para o dia 15 de março e mudou para o dia 16 de março. O duelo segue confirmado para o Barradão às 19h30. 
 
O primeiro encontro do Vitória e Vasco está programdo para quinta-feira, às 19h15, no São Januário, pela terceira fase da Copa do Brasil. Vitória leva vantagem nos duelos contra o Vasco pela Copa do Brasil: Quando a bola rolar na quinta-feira, às 19h15, para o duelo entre Vitória e Vasco será a quarta vez que as duas equipes brigam para avançar de fase na Copa do Brasil. Nas outras três, o Leão da Barra saiu vencedor em duas oportunidades e o time carioca em uma. 
 
O primeiro duelo aconteceu em 1989.  A primeira partida acabou empatada em 0 a 0, no Joia da Princesa, e o time baiano venceu no São Januário por 2 a 1. Na outra vez que o Rubro-Negro levou vantagem foi em 2010.  No Barradão 2 a 0 para a equipe baiana e no Rio 3 a 1 para os cariocas, o Vitória avança pelo gol marcado fora de casa. A vez que o Vasco eliminou o Vitória foi em 2009. O primeiro jogo foi 1 a 1 e o time da Cruz de Malta goleou no Rio de Janeiro por 4 a 0.

Vitória

06 de Mar // G1 | Vitória
A retranca foi a principal arma das equipes que enfrentaram o Vitória neste início de temporada. Pela Copa do Nordeste e Campeonato Baiano, os rivais do Rubro-Negro apostaram em jogar fechados na defesa com saídas rápidas em contra-ataques. Para o Botafogo-PB, o plano deu certo. Mas para as equipes do estadual, a estratégia não surtiu efeito, e o time treinado por Argel Fucks permanece com 100% de aproveitamento na competição.
 
Na próxima quinta-feira, o Vitória deve ter pela frente uma partida com perfil diferente. Às 19h15, em São Januário, o Rubro-Negro encara o Vasco pela terceira fase da Copa do Brasil. Diante de um adversário de Série A, o meia Gabriel Xavier espera um jogo aberto, já que o gol marcado fora de casa pode ser determinante para a classificação.  
 
- A gente vem jogando contra times meio retrancados, de difícil acesso ao campo deles. É um jogo diferente [contra o Vasco], onde vale uma classificação, jogo fora de casa, onde um gol vale por dois. Acho que vai ser um jogo completamente diferente.  Com o novo regulamento da Copa do Brasil, as duas primeiras fases são disputadas em jogo único. O Vitória avançou na competição após bater Luziânia e Bragantino. Na terceira etapa, o torneio é decidido em duas partidas.

Vitória

06 de Mar // | Vitória
O técnico Argel Fucks elogiou o que chamou de paciência e tranquilidade dos jogadores do Vitória para vencer o Atlântico por 2x0, domingo (5), no Barradão. Os gols rubro-negros saíram nos minutos finais de cada tempo, um de Cleiton Xavier aos 45 da etapa inicial e outro de André Lima aos 47 da final. “O adversário se fechou bastante, tentando buscar o contra-ataque ou explorar uma jogada de bola parada.
 
A gente criou bastante oportunidade durante os 90 minutos. É muito difícil até você fazer o primeiro gol. E a partir daí você pensa que o adversário vai sair lá de trás e não acontece isso no futebol baiano. O adversário toma o gol e se fecha mais ainda. A gente teve que ter paciência, tranquilidade, ter a posse de bola e o controle do jogo. O gol poderia sair no primeiro minuto ou no último, como acabou saindo o do André Lima no último minuto”, destacou Argel.
 
O resultado praticamente classificou o Vitória para a semifinal do Campeonato Baiano com quatro rodadas de antecedência. O Leão tem 18 pontos e é o único time com 100% de aproveitamento. Argel valorizou a defesa, que chegou ao terceiro jogo seguido sem sofrer gol, após 1x0 contra o Galícia e 0x0 com o América-RN. A última bola na rede rubro-negra foi no triunfo de 3x2 sobre o Bragantino, dia 22 de fevereiro.

Vitória

05 de Mar // | Vitória
Se o nível de exigência da torcida do Vitória for muito alto, ainda é cedo para se dar como satisfeita. Mas neste domingo (5), no Barradão, o rubro-negro fez uma boa exibição e controlou toda a partida contra o Atlântico, no Barradão. O triunfo de 2x0, que manteve a liderança e os 100% de aproveitamento do time no estadual, foi até pouco diante da facilidade do jogo.
 
Mesmo com time reserva, o Vitória mostrou desde o início que se tratava de um jogo de ataque contra defesa. Ciente da sua inferioridade, o Atlântico estreava o técnico Ricardo Silva, ex-Leão, e jogou para segurar o empate, sem ousar avançar para não dar espaços defensivos. Esse foi o primeiro obstáculo a ser superado pelo Vitória, que conseguiu sair bem da marcação adversária.
 
O segundo foi a falta de precisão para concluir as jogadas. Se no triunfo de 1x0 sobre o Galícia, na semana passada, a dificuldade era de criação, diante do Atlântico as trocas de passe aconteceram, assim como a boa movimentação de David, Paulinho e Gabriel Xavier. Só que a pontaria não estava das melhores. Em seu retorno após a lesão sofrida na abertura do estadual, Gabriel Xavier desperdiçou duas boas chances no primeiro tempo.

Vitória

03 de Mar // G1 | Vitória
A insatisfação não foi uma exclusividade do torcedor do Vitória na noite desta quinta-feira. Enquanto nas arquibancadas o que se ouvia, durante o jogo contra o Galícia, eram pedidos pela demissão do técnico Argel Fucks, dentro de campo os jogadores responderam. Ao final da partida, o atacante Kieza defendeu o treinador e criticou as vaias.
 
O mesmo caminho foi seguido pelo volante Willian Farias.  - Estão jogando contra nós. Vamos jogar contra o adversário. No Barradão tinha quatro mil pessoas nesses dias. Se eles não gostaram do jogo, nós também não gostamos do público. E aí? Estamos igual então, se for assim - criticou o capitão do Vitória em entrevista à TV Bahia. Essa não foi a única reclamação de Farias durante a partida.
 
Na saída para o intervalo, quando o torcedor já demonstrava sua insatisfação, ele também reclamou. - Pouco me importa se estão insatisfeitos ou não. A gente tem que fazer o gol e continuar 100%. É o que importa - disse Willian Farias à Rádio Itapoan FM, no intervalo do jogo. As queixas feitas no intervalo, quando o jogo ainda estava empatado em 0 a 0, originaram um pedido de desculpa. Horas depois da partida, Willian Farias publicou um texto em sua conta no Instagram para se justificar. 

Vitória

02 de Mar // | Vitória
O jogo desta quinta-feira (2), entre Vitória e Galícia, será um duelo de ponta a ponta, literalmente. Líder do estadual, o rubro-negro ostenta 12 pontos e 100% de aproveitamento após quatro jogos. Do outro lado, um Galícia caótico. Lanterna, com um ponto em cinco partidas, o time ainda está sem técnico. Os dois se enfrentam em Pituaçu, às 19h30.  
 
O resultado do jogo parece óbvio, mas sorte do Galícia que futebol não é lógica. Apegado a esse pensamento, o lateral Euller, que será titular na esquerda no lugar de Geferson, pede respeito e atenção ao adversário. “A gente foi lá contra o Botafogo-PB, não esperava o time deles fechado, marcando bem, e perdemos a partida (por 4x2, pela Copa do Nordeste). No jogo seguinte, viemos aqui contra o Flamengo e demos 6x1. A gente tem que estar ligado sempre. Tem que encarar todos os jogos como finais”, avalia.
 
Euller não é a única novidade no time. Além dele, o técnico Argel Fucks promoverá o retorno de Kieza, poupado no jogo passado, contra o América de Natal. O camisa 9 entra no lugar de Paulinho. O time vai a campo com Fernando Miguel, José Welison, Kanu, Fred e Euller; Uillian Correia e Willian Farias; Pineda, Cleiton Xavier e Kieza; André Lima. Os números do Vitória na temporada são bons.

Vitória

01 de Mar // | Vitória
Revelado nas categorias de base do Vitória, José Welison apareceu na equipe profissional do rubro-negro. No entanto, sempre que preciso, o jogador é improvisado na lateral. Responsável por duas assistências no triunfo sobre o Bragantino na última quarta-feira (22), o atleta não vê problemas para atuar em outra posição. Vitória volta a jogar pelo estadual nesta quinta (2) contra o Galícia, no estádio Metropolitano de Pituaçu.
 
"Jogar como lateral não é nenhum problema para mim. Quero ajudar sempre. O mais importante é estar em campo e se dedicar sempre. Dou minha vida a cada jogo para conquistar meu espaço na equipe. Estou cada dia mais confiante e motivado, e agradeço à comissão técnica por isso, além de todo o elenco. Quero fazer um grande ano no Vitória", disse.
 
Ao destacar a evolução do rubro-negro dentro da temporada, o jovem atleta acredita que a melhora pode ser muito maior. "Estamos crescendo de produção e fazendo bons jogos, mas vamos em busca da evolução. Ainda vamos chegar ao nível que queremos. Esse grupo pode chegar muito longe nesta temporada. Vamos continuar trabalhando firme para mantermos a sequência positiva neste ano. Todos estão muito focados em fazer um grande 2017", indicou.

Vitória

25 de Fev // | Vitória
Quem apostou que Argel mudaria novamente a equipe titular, acertou em cheio. Não é novidade para torcida que o treinador ainda não encontrou o “time ideal”. Neste sábado (25), o Vitória ficou no empate em 0 a 0 com o América-RN, na Arena das Dunas, o que coloca o time em situação desconfortável no Grupo E.  
 
Entre as mudanças em relação a equipe que venceu o Bragantino estão as entradas de Paulinho e Geferson, nos lugares de Kieza e Euller, respectivamente. Num jogo onde faltou inspiração, o empate sem gols em pleno sábado de carnaval, foi o que restou aos rubro-negros. Com sete pontos somados, o Leão segue líder, mas pode ser ultrapassado pelo Sergipe, que ocupa a segunda posição com seis pontos e joga na  próxima quarta-feira (01), contra o Botafogo-PB.
 
Já o América-RN, com quatro pontos, tem chances remotas de avançar à próxima fase.O Vitória volta a campo na próxima quinta-feira (02), contra o Galícia, às 19h30, no estádio Metropolitano de Pituaçu. A partida é válida pela sexta rodada do Campeonato Baiano. Aos 8 minutos, Willian Farias tabelou com André Lima e bateu no canto direito, para boa intervenção do goleiro Fred.

Vitória

22 de Fev // | Vitória
O Carnaval de Salvador começa oficialmente nesta quarta-feira (22) e os torcedores rubro-negros querem mais um motivo para cair na folia. Às 19h30, o Vitória enfrenta o Bragantino, no Barradão, em jogo único válido pela segunda fase da Copa do Brasil. Para avançar no torneio nacional, o Leão tem apenas uma opção: vencer.
 
Se a partida terminar empatada, a vaga será decidida nos pênaltis. Perdeu, adeus. O Vitória vive boa fase. Em oito jogos no ano, são sete triunfos e derrota apenas para o Botafogo-PB, por 4x2, pela Copa do Nordeste, no dia 8. O poder ofensivo é a principal arma do Leão. O time marcou 20 gols em oito partidas (média de 2,5 por jogo), mas precisa evoluir no setor defensivo, já que sofreu oito tentos (média de um por confronto).
 
Em um jogo decisivo como este contra o Bragantino, ver a bola estufar a própria rede pode ser fatal e estragar o Carnaval rubro-negro. Diante do caráter decisivo do jogo, o técnico Argel Fucks vai mandar a campo força máxima contra o Bragantino. Ele poderia repetir o time que venceu o Bahia de Feira por 1x0, no Joia da Princesa, domingo, mas o treino de terça-feira (21) indicou que o treinador vai fazer duas mudanças na equipe.

Vitória

21 de Fev // | Vitória
A defesa não tem feito bom papel no início de temporada do Vitória. Em oito partidas oficiais disputadas em 2017, foram sete gols sofridos. E as críticas se multiplicam à medida que os jogos passam. No último domingo, o Rubro-Negro saiu de campo sem ser vazado no triunfo por 1 a 0 sobre o Bahia de Feira, em Feira de Santana.
 
Mas os três pontos quase ficaram pelo meio do caminho. No segundo tempo, o lateral-esquerdo Geferson tentou cortar um cruzamento para a área e escapou por pouco de marcar um gol contra. Geferson, por sinal, é um dos alvos preferenciais das críticas. Emprestado pelo Internacional, o lateral de 22 anos realizou cinco partidas, mas não conseguiu ter grandes atuações.
 
Na última segunda-feira, o diretor de futebol, Sinval Vieira, saiu em defesa do jogador, que disputa com Euller a titularidade da posição. "O Vitória não tem feito boas apresentações, e eu tenho visto as críticas. Tem caído muita crítica sobre Geferson. O Vitória não está jogando bem por causa do lateral-esquerdo. Naquele lado mesmo não está acontecendo nada contra o Vitória".

Vitória

21 de Fev // Galaticos Online | Vitória
Brigando por vaga na lateral esquerda do Vitória, Euller espera oportunidade na partida desta próxima quarta-feira (22), contra o Bragantino, às 19h30, pela segunda fase da Copa do Brasil. Para o atleta, o Rubro-Negro vai encarar um adversário perigoso . 
 
“Vamos procurar fazer um grande jogo para sair com a classificação para a próxima fase da Copa do Brasil, que está muito equilibrada neste ano. Temos que nos impor para buscar a vitória. Não podemos dar espaços para eles. Queremos evitar surpresas”, disse. Com Geferson em baixa com a torcida, Euller pode ganhar nova chance como titular da equipe.
 
De acordo com o jogador, o elenco vem ganhando confiança a cada jogo nesta temporada. “Estamos ganhando confiança, crescendo de produção e fazendo bons jogos. Mas queremos mais. Temos que manter o foco para continuarmos vencendo os jogos. Isso vai dar ainda mais motivação a equipe para a sequência da temporada. O mais importante é que o trabalho que vem sendo realizado é muito bom”, concluiu.

Vitória

20 de Fev // | Vitória
O Vitória ainda não sabe o que é perder no Campeonato Baiano. Em quatro partidas disputadas no certame estadual, o time Rubro-negro venceu todas. Após o triunfo sobre o Bahia de Feira por 1 a 0, no último domingo (19), em Feira de Santana, o Leão chegou ao quarto resultado positivo seguido na temporada.
 
“Vencemos o Bahia de Feira e estamos em uma grande sequência. Chegamos a nossa quarta vitória seguida na temporada e isso só vem dando confiança ao grupo. O momento é positivo, mas precisamos continuar trabalhando firme para mantê-lo”, disse o camisa 1. O arqueiro Rubro-negro ainda pediu foco total no duelo contra o Bragantino, quarta-feira (22), às 19h30, no Barradão, pela segunda fase da Copa do Brasil
 
“O foco total agora é na decisão contra o Bragantino pela Copa do Brasil. Estaremos em nossa casa, diante do nosso torcedor e precisamos fazer uma grande apresentação para evitar surpresas. Temos que impor nosso ritmo para buscarmos a classificação para a próxima fase da competição”. O confronto contra o Bragantino é jogo único. Em caso de empate, a classificação será por cobranças de pênaltis.

Vitória

20 de Fev // | Vitória
O Vitória segue líder e 100% no Campeonato Baiano. Neste domingo (19), com alguma dificuldade, a equipe de Argel Fucks venceu o Bahia de Feira por 1x0, no Joia da Princesa. O Leão assustou logo aos 3 minutos. Cleiton Xavier cruzou e André Lima mandou pra rede, mas com falta no goleiro Rudi. O Tremendão respondeu logo depois com Marclei.
 
Primeiro, batendo da entrada da área com perigo. Depois, em cobrança de falta, que Fernando Miguel pegou com segurança. O jogo era movimentado e, Cleiton Xavier quase abre o placar após jogada de Kieza, mas foi travado na hora H. O rubro-negro dominava a posse e, com isso, tinha o controle do jogo. Mas, apesar de parecer na iminência de abrir o placar, não conseguia criar chances perigosas.
 
Jogando no contra-ataque, o Bahia de Feira foi sendo imprensado atrás aos poucos e tirava a bola da sua área do jeito que dava. Aos 33, a defesa feirense ficou pedindo impedimento e Kieza chegou a driblar Rudi e tocou para André Lima, que chutou para o gol. O zagueiro Lucas salvou em cima da linha. O Leão trabalhava bem a bola. Willian Farias e Uillian Correia ditavam o ritmo no meio-campo e Kieza e David apareciam bem nos extremos.

Vitória

19 de Fev // Lucas Vinícius | Vitória

O Universo/Vitória venceu mais uma pelo Novo Basquete Brasil, a liga nacional da modalidade. Neste sábado (18), a equipe rubro-negro venceu o Caxias do Sul por 76 x 67, no Ginásio Poliesportivo de Cajazeiras, em Salvador. Com o resultado, o time comandado por Régis Marreli chega ao quarto triunfo consecutivo na competição.

 

A equipe titular do Leão foi composta por: Key, Arthur, Kenny Dawkins, Coimbra e Hayes. O destaque foi para as atuações do trio americano: Keyron, com 21 pontos, Kenny Dawkins com 4 assistências e Chris Hayes, anotando 8 rebotes.

 

O Universo/Vitória segue com a sequência de partidas em casa, contra o Campo Mourão na próxima quarta-feira (22), às 20 h, e Mogi das Cruzes/Helbor, no próximo sábado (25), às 14h. Ingressos disponíveis para troca por quilos de alimentos não perecíveis a partir de segunda-feira (20).

Vitória

18 de Fev // Gildásio Cavalcante | Vitória
Não é cena rara passar pelos portões do Barradão e encontrar jovens com brilho nos olhos. Alguns ficam de plantão, prontos para tietar os jogadores, outros sentam com um par de chuteiras em mãos em busca de fazerem parte do seleto time dos que conseguem chegar lá. Um desses garotos era Cedric. Ele mesmo, lateral-direito do Vitória. 
 
Não foi fácil. O jovem de 19 anos fez teste uma, duas vezes. Ouviu “não” em ambas. Na terceira, o portão do Barradão abriu para receber o garoto. “Fiz teste uma vez e fui reprovado. Fiz a segunda, reprovado de novo. Chegou na terceira vez, passei. Eu tinha 14 anos”, lembra o lateral, que conta que foi em um campinho da Boca do Rio onde tudo começou.
 
Foi no campo da Feirinha, perto do antigo Aeroclube. “Comecei lá na rua mesmo, na escolinha Filipenses. Desde pequeno tinha o sonho de ser jogador e meus pais me incentivaram muito. Eu jogava direto naquele campinho perto do Aeroclube. Hoje não jogo mais, mas vou sempre lá para ver os meninos da escolinha. Eles ficam felizes, os pais perguntam como consegui chegar lá” conta Cedric, morador do bairro até hoje.
Agora imaginem o coração dos pais do moleque, Patrícia e Ilson, quando souberam que Cedric simplesmente ia ter chance no profissional. “Eu soube por telefone que ia jogar. Léo (funcionário do Vitória) me ligou dois dias antes e disse: ‘você vai jogar contra a Juazeirense’. Eu contei a todo mundo, meus pais ficaram muito felizes. Me desejaram sorte, mas ficaram mais nervosos do que eu”, brinca. “Depois que estreei, Argel disse ‘gostei desse menino, vou deixar ele aí mais um pouquinho’ (risos)”. Não só deixou, como uma semana depois do jogo contra a Juazeirense, Cedric foi titular contra o Luziânia-DF, pela Copa do Brasil, dia 8.

Vitória

17 de Fev // | Vitória
Na última quarta-feira, o volante foi improvisado como lateral-direito pelo técnico Argel Fucks. O resultado foi satisfatório, o Rubro-Negro goleou por 6 a 1 e o treinador avisou que pode manter o jogador na função. Problema? Não para Welison, que lembra ter começado a carreira na lateral e não pretende desperdiçar qualquer oportunidade de atuar como titular. 
 
- Comecei de lateral no ABC e, quando cheguei aqui no Vitória, o professor me colocou de volante. Foi a posição em que me senti bem. Mas jamais vou deixar passar essa oportunidade. Jogar na lateral vai me agregar. Se o professor pedir, jogo até de ponta, como fiz uma vez com o técnico Jorginho. Isso é bom para que eu possa crescer ainda mais – comentou. 
 
No meio de campo, José Welison tem a concorrência de Willian Farias, Uillian Correia e Bruno Ramires. Na lateral direita, ele disputa a vaga com Leandro Salino, Norberto, Cedric e também Patric, que foi anunciado na noite de quinta-feira. O grupo montado para 2017 é numeroso e recheado de peças novas. E, aos poucos, Welison se enturma com cada reforço que desembarca na Toca do Leão. 

Vitória

16 de Fev // | Vitória
O lateral-direito Patric, que estava no Atlético-MG, já está na Toca do Leão. A informação foi confirmada na tarde desta quinta-feira pela assessoria de imprensa do Vitória. O jogador desembarcou em Salvador nesta tarde e deve realizar exames médicos para assinar contrato, por empréstimo, válido até o fim da temporada.
 
A ala direita é um dos setores que preocupa no Vitória. No início do ano, o clube anunciou a contratação do lateral-direito Leandro Salino, que não agradou quando teve oportunidades e tem contrato vigente até dezembro deste ano. Como Norberto voltou ao departamento médico, o técnico Argel Fucks teve que lançar mão de um jogador recém-promovido das divisões de base, Cedric, que tem atuado nos jogos do Leão.
 
Patric tem 27 anos e defende o Galo desde 2015, mas não tem sido aproveitado por Roger Machado na temporada, participando apenas dos amistosos do Torneio da Florida. Ele começou a carreira no Criciúma, de onde partiu para o São Caetano. Patric ainda tem no currículo passagens por clubes como Cruzeiro, Ponte Preta, Náutico, Coritiba e Sport. Pelo Atlético-MG, o lateral fez 91 partidas marcou sete gols, somando-se as temporadas de 2011, 2015 e 2016. 




Classificados


Enquete



Mais Lidas