Esportes

Vitória

Vitória

21 de Nov // | Vitória

O Vitória tem um comportamento bipolar neste Campeonato Brasileiro. A equipe é a pior mandante da competição. Porém, por outro lado, o Leão é um visitante indigesto. Em 18 jogos, o Leão venceu sete, empatou cinco e perdeu seis. Um aproveitamento de 48,15%, que deixa a equipe com a quarta melhor campanha fora de seus domínios.

 

O próximo compromisso é contra a Ponte Preta, domingo (25), às 16h (horário da Bahia), no Moisés Lucarelli, em Campinas, pela penúltima rodada do certame. O volante José Welison cita esse bom desempenho e pede uma partida de “intensidade” diante da Macaca.

 

“Temos que fazer uma partida de intensidade e errar o mínimo possível. Estamos fazendo boas partidas fora de casa e queremos repetir isso contra Ponte Preta, que é um grande adversário”, disse o jogador, em entrevista ao Bahia Notícias. O jogo com a Ponte Preta é de decisão. O Vitória tem 40 pontos e ocupa a 16ª colocação, enquanto o time campineiro tem 39 e aparece logo atrás, em 17º.

Vitória

20 de Nov // | Vitória

O empate com o Cruzeiro, neste domingo (19), complicou o Vitória na luta contra o rebaixamento. O Rubro-Negro pode voltar à zona de rebaixamento nesta rodada e terá que vencer seus dois próximos jogos para escapar da degola. Com o resultado, o Rubro-negro chegou a 40 pontos na tabela da competição.

 

Após o confronto com a Raposa, Vagner Mancini lembrou a campanha ruim no 1º turno e, ao adimitir a situação difícil na luta contra o rebaixamento se eximiu de culpa. "Estamos pagando uma dívida que não é nossa. O Vitória, no primeiro turno fez 12 pontos. Agora, essa dívida está pesada. Todo mundo tem que entender que essa dívida não é nossa", disse.

 

Sobre a partida, o técnico admitiu a superioridade do time mineiro no primeiro tempo. "Depois que fizemos o gol, o cruzeiro só não empatou ou virou o jogo porque tivemos sorte em alguns lances. Na primeira etapa o Cruzeiro foi amplamente superior. Na segunda etapa, o Vitória equilibrou o jogo, passou a ter chances no ataque", afirmou. Sobre o desempenho dos atletas, o comandante valorizou a luta.

Vitória

19 de Nov // Gildásio Cavalcante | Vitória

O técnico Vagner Mancini definiu a lista de relacionados do Leão para a partida contra o Cruzeiro, que será realizada neste domingo (19), às 16h (horário local), no Barradão.

 

Confira os relacionados:

GOLEIROS: Ronaldo, Caíque e Fernando Miguel;


LATERAIS: Patric e Geferson;


ZAGUEIROS: Alan Costa, Renê Santos, Kanu, Ramon, Bruno e Wallace;


MEIO-CAMPISTAS: Uillian Correia, José Wellison, Fillipe Soutto, Yago, Carlos Eduardo e Jhemerson;


ATACANTES: André Lima, Danilinho, Neílton, Kieza, David e Santiago Tréllez.

Vitória

18 de Nov // Gildásio Cavalcante | Vitória

O Vitória não pode deixar para decidir seu futuro na Série A do Campeonato Brasileiro fora de casa, jogando contra um adversário direto na luta contra o Z-4, a Ponte Preta, na 37ª e penúltima rodada, em Campinas. O técnico Vagner Mancini sabe que tem uma decisão de título na partida deste domingo à tarde, contra o Cruzeiro, no Estádio Manoel Barradas, na Toca do Leão. Um jogo com um único resultado para o Rubro-negro baiano: vencer, vencer, ou vencer. Até mesmo o empate não é um bom resultado.

 

A direção do Vitória também sabe disso, e manteve a promoção de ingressos para a torcida lotar o Barradão e empurrar o time para um triunfo contra o Cruzeiro. As opções deste domingo são as mesmas do jogo contra o Palmeiras: ingresso de arquibancada a R$ 15,00, Cadeiras a R$ 30,00 e a opção de entrada grátis do torcedor-acompanhante, levado para o estádio por um sócio do Sou Mais Vitória. As promoções também se estendem a uma série de produtos oferecidos dentro do estádio.

 

O técnico Vagner Mancini terá apenas a manhã deste sábado para tirar suas dúvidas e definir o time do Vitória que começa jogando. Mas, como sempre, as opções são limitadas. Com Caíque Sá, suspenso pela 3º cartão amarelo, e Mancini deve manter Patric na lateral-direita, com a volta de Kanu à zaga, deslocando Ramon para formar ao meio-campo com Uillian Correia e José Wellison, além da volta de Neílton ao ataque, já que o time tem que ter um perfil tático ofensivo para lutar pelos gols contra o Cruzeiro.

Vitória

17 de Nov // | Vitória

Após a derrota para a Chapecoense na noite desta última quinta-feira (16), que deixou o Vitória em situação complicada, apesar de ainda fora da zona de rebaixamento, Vagner Mancini fez uma análise da partida. O técnico viu bons momentos do Rubro-negro e lamentou a chuva, que mudou o rumo do duelo.

 

"A equipe saiu na frente e vinha fazendo um bom jogo. O primeiro tempo foi equilibrado. Na segunda etapa, o Vitória voltou bem também, até por volta de 15 minutos dominando a partida. Ai veio a chuva e fez com que o jogo tomasse outra proporção. A bola já não rolava do jeito que queríamos e o jogo passou a ser de bola esticada, de bola aérea", disse.

 

Mas, o que deixou o treinador visivelmente chateado foram os gols de bola parada tomados pela equipe. O comandante admitiu preocupação com os erros insistentes do sistema defensivos.  "Foi um lance que insistimos nos treinamentos. Sabia que o Reinaldo bate forte na bola. Chega no jogo, tomamos o gol. O Vitória precisa parar de tomar gol de bola parada. Temos insistido nesse erro", destacou.

Vitória

16 de Nov // Bahia noticias | Vitória

O Vitória perdeu para a Chapecoense por 2 a 1, nesta quinta-feira (16), na Arena Condá, em Chapecó (SC). O lateral-direito Patric lamentou o revés e já foca no Cruzeiro, próximo adversário de sua equipe. “Jogo difícil. Tentamos, lutamos. Agora é continuar trabalhando, porque domingo tem outra decisão”, disse o jogador, em entrevista ao Canal Premiere.

 

O compromisso contra o Cruzeiro será no domingo (19), às 16h (horário de Salvador), no Barradão, válido pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com 39 pontos, o time comandado pelo técnico Vagner Mancini ocupa a 16ª posição no certame.

Vitória

16 de Nov // | Vitória

A diretoria do Vitória decidiu manter a promoção de ingressos para a partida contra o Cruzeiro, domingo (19), ÀS 16h (horário de Salvador), no Barradão, válido pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. Serão repetidos os valores dos bilhetes e a vantagem para os sócios que fizeram sucesso nas duas últimas partidas da equipe como mandante.

 

Os tickets já estão à venda por meio do site Futebol Card e em pontos de vendas espalhados pela capital baiana. O bilhete de arquibancada custa R$ 15, enquanto o setor de cadeiras é oferecido por R$ 30. Além disso, o sócio-torcedor em dia terá direito a levar um acompanhante sem desembolsar nada segundo informações do Bahia Notícias.

 

As vantagens não param por aí. Pela internet, o adepto que comprar o bilhete por serviço Visa Checkout terá 50% de desconto. Com isso, a arquibancada sairá por R$ 7,50 e a cadeira R$ 15. Porém, o clube só aceita cartões da bandeira Visa para essa ação promocional. Antes de pegar o Cruzeiro, o Vitória tem um compromisso com a Chapecoense, nesta quinta-feira (16), às 19h (horário de Salvador), na Arena Condá, em Chapecó (SC).

Vitória

16 de Nov // | Vitória

Na luta contra a degola, o Vitória encara a Chapecoense nesta quinta-feira (16), às 19h (horário da Bahia), na Arena Condá, em jogo válido pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. O time Rubro-negro tem 39 pontos e ocupa a 16ª colocação. Para o confronto, o técnico Vagner Mancini não poderá contar com Kanu e Fillipe Soutto, que estão suspensos.

 

Por outro lado, ele terá os retornos de Wallace, Yago e Uillian Correia. A tendência é que o Vitória entre em campo com: Fernando Miguel; Patric, Ramon, Wallace e Geferson; José Welison, Uillian Correia, Yago e Neilton; David e Tréllez. O volante José Welison espera um jogo difícil, mas espera voltar para Salvador com um resultado positivo.

 

“A Chapecoense vem de vitória na competição e está embalada, vivendo um ótimo momento. É um jogo decisivo para as duas equipes, mas o nosso foco é a vitória, sem dúvida. Precisamos repetir as boas atuações que tivemos fora de casa nas últimas semanas para conquistarmos pontos na Arena Condá”, afirmou o jogador ao Bahia Notícias. O histórico de confrontos entre as duas equipes pela Série A do Brasileiro é bastante equilibrado.

Vitória

14 de Nov // | Vitória

O Campeonato Brasileiro está próximo do fim. Com quatro rodadas para o término da competição, o Vitória diminuiu drasticamente o risco de rebaixamento após conseguir pontos importantes nos últimos jogos. No fim de outubro, o time comandado pelo técnico Vagner Mancini chegou a 64,2% de chance de cair.

 

Com 39 pontos e na 16ª posição, o Leão agora aparece com 15,2%, segundo estudo do Departamento de Matemática da Universidade Federal de Minais de Gerais (UFMG). O Sport, que possui 36 pontos e figura na 17ª colocação, tem 89%, seguido por Ponte Preta (89,3%), Avaí (95,7%) e Atlético-GO (99,8%).

 

Na frente do Vitória, aparecem Coritiba (9,5%) e Fluminense (1,2%). O estudo tem como base o mando de campo dos jogos e o retrospecto das equipes no certame, bem como a dificuldade dos confrontos em função dos adversários. O próximo compromisso do Rubro-negro baiano é diante da Chapecoense, quinta-feira (16), às 19h (horário de Salvador), na Arena Condá. Com 39 pontos, o time comandado por Mancini ocupa a 16ª posição no Brasileiro.

Vitória

14 de Nov // | Vitória

De volta ao Vitória após cumprir suspensão na última rodada, o volante Uillian Correia espera um confronto equilibrado diante da Chapecoense, quinta-feira (16), às 19h (horário de Salvador), na Arena Condá, em Chapecó (SC). Ele quer concentração máxima de sua equipe durante os 90 minutos.

 

“A Chapecoense é sempre muito forte dentro de casa. Não podemos vacilar. Temos que manter a concentração durante os noventa minutos para sairmos de lá pontuando, com um grande resultado. A equipe está muito motivada para este confronto, que tem tudo para ser muito equilibrado”, disse o jogador, em entrevista ao Bahia Notícias.

 

Com quatro jogos para o término do Campeonato Brasileiro, o Vitória ocupa 16ª posição e tem 39 pontos. Correia garante que não faltará empenho para salvar a equipe da degola. “Vamos buscar nos afastar ainda mais da zona de rebaixamento. O momento é positivo, mas de muito trabalho também para garantirmos o Vitória na primeira divisão. Serão quatro finais a partir de agora”, finalizou.

Vitória

13 de Nov // | Vitória

Fillipe Soutto irá desfalcar o Vitória na próxima quinta-feira (16), diante da Chapecoense. O volante foi expulso no empate com o Grêmio, neste domingo (12), em Caxias do Sul-RS. Porém, o lance que originou sua expulsão foi motivo de muitas reclamações do Rubro-Negro. O jogador, ao tentar desarmar Ramiro, acertou um carrinho na bola.

 

Com o resultado, o Vitória chegou aos 39 pontos, mas permanece na 16ª colocação no Campeonato Brasileiro. O próximo compromisso é diante da Chapecoense, quinta-feira (16), às 19h (horário de Salvador), na Arena Condá, em Chapecó (SC). Mesmo assim, o árbitro Marcelo Aparecido de Souza, de São Paulo, advertiu o atleta com o segundo cartão amarelo e o expulsou.

 

Nesta segunda-feira (13), Soutto, em uma rede social desabafou sobre a punição. "Em uma jogada como esse prejudicam o meu trabalho e o trabalho dos meus companheiros. Prefiro acreditar que o Marcelo Aparecido Souza não foi mal-intencionado, mas fica o questionamento: se eu não jogo bem, o técnico me tira do time. O que acontece quando a arbitragem comete um erro tão grosseiro assim?", questionou em parte do post.

Vitória

12 de Nov // | Vitória

O Vitória até que saiu na frente, mas não conseguiu outro triunfo fora de casa. O Rubro-negro empatou por 1 a 1 contra o Grêmio, neste domingo (12), no Alfredo Jaconi, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro. Patric marcou para o Leão, enquanto Fernandinho deu resultado de igualdade aos gremistas.

 

O time treinado por Vagner Mancini foi prejudicado no segundo tempo pela expulsão do volante Fillipe Soutto, aos 14 minutos. Com o resultado, o clube baiano chegou aos 14 pontos na tabela da competição e continua na 16ª posição, uma acima da zona de rebaixamento do certame.

 

O próximo compromisso do Vitória será contra a Chapecoense, nesta quinta-feira (16), às 19h (horário da Bahia), na Arena Condá, pela 35ª rodada da Série A. A primeira chance perigosa da partida veio do Vitória, mais precisamente dos pés de David. Aos 13 minutos, após roubada de bola rubro-negra, o atacante, em jogada individual, chutou para a defesa do goleiro Paulo Victor. O Leão já ensaiava uma abertura do placar.

Vitória

09 de Nov // | Vitória

Menos de 24 horas depois do triunfo por 3 a 1 sobre o Palmeiras, o Vitória se reapresentou na tarde de quinta-feira (9) e começou a preparação para o confronto diante do Grêmio, domingo (12), às 16h (horário da Bahia), no Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS). Antes do aquecimento, o técnico Vagner Mancini reuniu o grupo para um bate-papo.

 

Quem atuou por mais de 45 minutos contra o Palmeiras realizaram atividades regenerativas na academia, enquanto os reservas disputaram um jogo-treino contra o time sub-20.  Mancini montou o time com a seguinte escalação: Caíque, Caíque Sá, Fred, Alan Costa e Bruno; Renê, Cleiton, Danilinho e Carlos Eduardo; Neilton e André Lima.

 

O atacante Kieza e o volante Willian Farias realizaram um trabalho leve com bola sob a supervisão de Lucas Penha, auxiliar da preparação. A dupla se recupera de um problema no joelho. O lateral-esquerdo Juninho realizou tratamento no departamento médico por conta de um edema na coxa. O jogador permanecerá fora de combate. A tendência é que ele comece a treinar com bola na semana que vem.

Vitória

09 de Nov // | Vitória

Não foi só a torcida do Vitória que deixou o Barradão em festa após o triunfo sobre o Palmeiras, que deu fim a um jejum de mais de três meses sem vencer em casa. O técnico Vagner Mancini também celebrou bastante a vitória. Após a partida, o treinador exaltou a disposição dos atletas no confronto.

 

"O que disse aos atletas ao término do jogo, na oração, foi que hoje a entrega foi acima do normal. Não tínhamos visto essa entrega. Talvez o futebol já conseguimos apresentar igual, mas a entrega de hoje foi muito importante", disse. Para resumir o desempenho do Rubro-Negro, o comandante utilizou a palavra "atitude".

 

"Usaria apenas uma palavra. Hoje tivemos atitude. A atitude foi diferente. O marcar, o lutar. Não demos chances ao Palmeiras. Os atletas foram a exaustão. Chegamos a uma vitória muito importante em uma fase do campeonato em que precisávamos vencer". Já ao comentar sobre o próximo compromisso do Leão, contra o Grêmio, no próximo domingo (12), em Porto Alegre, Mancini minimizou os muitos desfalques.

Vitória

09 de Nov // | Vitória

Demorou, mas chegou a hora. Depois de mais de três meses sem vencer no Barradão, o Vitória voltou a sentir o gostinho de triunfar dentro dos seus domínios. Na noite desta quarta-feira (8), o time Rubro-negro bateu o Palmeiras por 3 a 1, em confronto válido pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro.

 

Yago marcou duas vezes para o Leão, enquanto Tréllez fez um. Dudu anotou pelo Alviverde. Com o resultado, o Leão chegou aos 38 pontos e deixou o Z-4. A equipe agora ocupa a 16ª posição no certame nacional. O próximo compromisso do Vitória é contra o Grêmio, domingo (12), às 16h (horário da Bahia), no Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS).

 

Pior mandante do Campeonato Brasileirão, o Vitória entrou em campo com um objetivo bem definido: vencer o Palmeiras e tentar sair do temido Z-4. Logo nos primeiros minutos, o time Rubro-negro comandou as ações do jogo e partiu para cima do adversário. Aos três, a bola foi lançada na área do Palmeiras. Fernando Prass deu um soco na bola, Patric ficou com a redonda e chutou rasteiro. A bola passou ao lado do gol.

Vitória

08 de Nov // | Vitória

O Vitória é o pior mandante do Campeonato Brasileiro. Em 16 partidas disputadas em Salvador, o time Rubro-negro venceu quatro, perdeu dez e empatou quatro. O último triunfo do Leão foi no dia 2 de agosto, contra a Ponte Preta, pelo placar de 3 a 1. Com apenas 35 pontos e na 17ª posição, o Vitória precisa de um triunfo para tentar deixar o Z-4.

 

Para tentar minimizar essa campanha ruim dentro dos seus domínios, a equipe comandada pelo técnico Vagner Mancini vai pegar o Palmeiras nesta quarta-feira (8), às 20h45 (horário da Bahia), no Barradão, válido pela 33ª rodada do certame nacional. O goleiro Fernando Miguel pediu equilíbrio ao seu time e apoio da torcida.

 

“O Palmeiras tem uma grande equipe e merece nosso respeito, mas não podemos vacilar em casa. Temos que fazer um jogo de muito equilíbrio para vencermos a partida e continuarmos vivos nesta luta pela permanência na Série A. Contamos com o apoio do nosso torcedor e pedimos um voto de confiança deles para sairmos juntos desta situação. Vamos lutar muito para deixar o Vitória na Primeira Divisão”, disse o arqueiro, ao Bahia Notícias.

Vitória

07 de Nov // | Vitória

O lateral-direito Patric, do Vitória, vê o time confiante para o duelo contra o Palmeiras, nesta próxima quarta-feira (08), às 20h45 (horário de Salvador), no Barradão, válido pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Vitória tem 35 pontos e ocupa a 17ª posição no Campeonato Brasileiro. Já o Palmeiras aparece com 54 e é o quarto.

 

“Iremos enfrentar um dos times que mais investiu nesta temporada. Eles brigam pelas primeiras posições e precisam muito também do resultado positivo. Mas, o campeonato está afunilando. Não podemos mais perder pontos dentro de casa. É vencer ou vencer. E voltamos confiantes do Rio de Janeiro [empate em 1 a 1 com o Vasco], cientes que podemos conquistar esses três pontos”.

 

Eu, particularmente, se for mantido na equipe estou preparado para continuar dando conta do recado”, afirmou o jogador.  A tendência é que Caíque Sá retorne ao time. O jogador sofreu uma entorse no tornozelo e desfalcou a equipe diante do Vasco. Ele já iniciou a fase de transição e deve ser convocado para o duelo desta quarta (8). Com isso, Patric ficará como opção no banco de reservas segundo informações do Bahia Notícias.

Vitória

07 de Nov // | Vitória

O árbitro paraense Dewson Fernando Freitas, do quadro da Fifa, será o dono do apito no confronto entre Vitória e Palmeiras, nesta quarta-feira (08), às 20h45, no Barradão, válido pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro.O juiz, de 36 anos, exerce a função de empresário. Ele será auxiliado por Hélcio Araújo Neves e José Ricardo Guimarães Coimbra.

 

Andrey da Silva E Silva e Djonaltan Costa de Araújo terão a responsabilidade de árbitros adicionais. Todos são do Pará. Essa será a terceira partida do Vitória que Dewson irá comandar nesta temporada. Antes, ele apitou o triunfo do Leão por 1 a 0 sobre o Vasco, no dia 16 de março, pela Copa do Brasil, no Barradão.

 

A outra foi o empate em 0 a 0 com o Cruzeiro, no dia 30 de julho, no Mineirão, na partida que marcou a reestreia de Vagner Mancini no comando técnico do Leão. Com 35 pontos, o Vitória ocupa a 17ª posição no Campeonato Brasileiro, enquanto o Palmeiras tem 54 e aparece em quarto. O técnico Vagner Mancini, do Vitória, convocou 23 jogadores para o confronto contra o Palmeiras segundo informações do Bahia Notícias.

Vitória

06 de Nov // | Vitória

Na manhã desta segunda-feira (06), após o empate com o Vasco, o Vitória iniciou a preparação para a partida contra o Palmeiras, que acontecerá ás 20h45 (horário de Salvador) da próxima quarta-feira (08), no Barradão. O rubro-negro realizou uma atividade no estádio das Laranjeiras, no Rio de Janeiro e teve uma baixa.

 

O lateral-esquerdo Juninho, que se queixou de dores na coxa, após a partida contra o cruzmaltino, ficou de fora da atividade, será reavaliado em Salvador e é dúvida para a próxima partida contra o alviverde paulista. Vale lembrar que o atacante Neilton, suspenso pelo terceiro amarelo, já está de fora da partida.

 

Em contrapartida, o técnico Vagner Mancini terá o importante retorno do volante Uillian Correia, que cumpriu suspensão na última partida. Outros dois atletas que podem voltar são o lateral-direito Caíque Sá, em recuperação de uma entorse no tornozelo, e o atacante Kieza, que se recupera de dores no joelho. Os dois serão avaliados nesta terça (8) para saber se terão condições de atuar contra o time paulista.

Vitória

03 de Nov // | Vitória

A alternativa é uma só: vencer o Vasco. Sem espaços para novos tropeços, o Vitória tem que voltar a ganhar para passar o fim de ano tranquilo e afastar o perigo de ser rebaixado. O jogo contra os cariocas é domingo (5), às 18h, no Maracanã. Sem vencer há cinco rodadas, o Leão precisa ter muito cuidado com o adversário.

 

“No entanto, o primeiro passo para reagir é olhar para dentro do próprio clube. Afinal, o Vitória tem sido vítima constante dos próprios erros. Ciente de que o time precisa de maior concentração, Juninho acredita que, quando melhorar o lado emocional, o rubro-negro vai embalar segundo informações do Correio da Bahia.

 

“A gente vem pecando nos detalhes, na concentração. Os últimos jogos mostraram isso. Só o trabalho pode reverter essa situação. Começamos a transformar um pouco a situação do Vitória e a gente sabe o que tem de fazer para conseguir permanecer na Série A. Está todo mundo ciente disso. Se assim não está dando, tem que trabalhar mais”, disse. Além de enfrentar um time embalado, o Vitória ainda precisa administrar a pressão que vem sofrendo.

Vitória

03 de Nov // | Vitória

O Vitória é o quarto melhor visitante do Campeonato Brasileiro com 26 pontos conquistados em 15 jogos. O que representa um aproveitamento de 53,33%. O próximo duelo do Rubro-negro baiano é justamente fora de Salvador. O time vai pegar o Vasco, domingo (5), às 18h (horário da Bahia), no Maracanã.

 

O confronto é válido pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. O técnico Vagner Mancini fez um alerta e afirmou que ganhar fora nessa fase é mais complicado. Ele espera que sua equipe possa conseguir resultados positivos e assim não depender dos dois últimos jogos da competição, contra Ponte Preta e Flamengo, respectivamente.

 

“Ganhar fora nessa fase é sempre mais difícil, porque os times estão mais arrumados do que estavam, embora também estejam desgastados, então há uma tendência de que todos estejam brigando por alguma coisa, por isso a pressão é maior. Mas há necessidade, e nós sabemos que o Vitória tem que se resolver no campeonato nessas cinco partidas. Nós não gostaríamos de maneira alguma de depender de Ponte Preta e Flamengo”, declarou.

Vitória

02 de Nov // | Vitória

O técnico Vagner Mancini, do Vitória, diz ter dúvidas na formação do time para o duelo contra o Vasco, domingo (5), às 18h (horário da Bahia), no Maracanã, válido pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. Para o confronto, o lateral Caíque Sá se recupera de um entorne no tornozelo e ainda permanece como dúvida.

 

Caso ele não reúna condições, Patric será o substituto. Sem poder contar com Uillian Correia, suspenso por conta do terceiro cartão amarelo, Mancini irá promover a entrada de José Welison. Recuperado de uma fascite plantar, o goleiro Fernando Miguel deverá voltar ao time.

 

O Vitória deve entrar em campo com: Fernando Miguel; Patric, Kanu, Wallace e Juninho; Ramon, José Welison e Yago; Neilton (Kieza), David e Tréllez. "Dessa vez ainda não tenho o time. Fiz alguns testes hoje e até sábado espero encontrar uma equipe competitiva contra o Vasco, que vem jogando muito bem. É uma equipe que evoluiu muito tempo em termos táticos e a gente precisa montar uma estratégia boa".

Vitória

01 de Nov // | Vitória

Com sete rodadas para o término do Campeonato Brasileiro, o Vitória vive uma situação complicada. O time Rubro-negro tem 34 pontos e ocupa a penúltima posição. E de acordo o estatístico Marcelo Leme de Arruda, do site Chance de Gol, do Uol, o Leão aparece com 64,2% de risco de rebaixamento.

 

O meia Yago ignora a matemática e prefere focar no jogo a jogo. “A gente tem que buscar os pontos positivos, agarra isso, sabendo que temos que fazer cada vez melhor o que tem dado certo, e o que tem errado, procurar melhorar para conseguir o resultado”, afirmou o jogador.

 

O próximo duelo do Vitória é contra o Vasco da Gama neste domingo (5), às 18h (horário de Salvador), no Maracanã, válido pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. O elenco do Vitória volta a treinar nesta quinta-feira (2), pela manhã. O meia ainda garantiu que o técnico Vagner Mancini conseguiu resgatar o grupo. Quando o treinador foi contratado, o time tinha 12 pontos e havia acumulado três triunfos, três empates e dez derrotas.

Vitória

31 de Out // | Vitória

No último domingo, o Vitória empatou com o Atlético-GO em casa e caiu para a penúltima posição na tabela do Campeonato Brasileiro. Um resultado desastroso – segundo o site Infobola, o Leão tem 57% de risco de rebaixamento – e que deve trazer para a torcedor rubro-negro também a sensação de filme repetido.

 

Pela 15ª vez em 31 jogos, o Rubro-Negro saiu atrás no marcador. E, como tem sido uma prática, o time não teve competência para chegar à virada. Dos 15 jogos em que saiu atrás do adversário no Brasileirão, o Rubro-Negro conquistou apenas dois empates e perdeu todos os outros 13 jogos.

 

Um retrospecto negativo que começa desde as primeiras rodadas da competição, quando a equipe ainda era treinada por Petkovic, e que se manteve com Vagner Mancini. Com Mancini, o Vitória viu o adversário abrir o placar nas partidas contra Atlético-GO, Bahia, Atlético-PR, Sport, São Paulo e Avaí. À exceção do empate diante do Dragão, a equipe rubro-negra saiu derrotada de todos os outros jogos segundo informações do Globoesporte.

Vitória

30 de Out // | Vitória

O volante José Welison, do Vitória, voltou aos gramados depois de ficar afastado por mais de seis meses, após passar por uma cirurgia no joelho (saiba mais aqui). O atleta entrou no segundo tempo do duelo contra o Atlético-GO, no último domingo (29), e fez o gol que garantiu o empate de sua equipe em 1 a 1.

 

O técnico Vagner Mancini fez questão de elogiar o jogador. “Ficamos felizes pela volta do José Welison, que voltou em ótimo nível e passa a ser uma opção para a gente”, disse o comandante Rubro-negro, em entrevista coletiva. A tendência é que José Welison permaneça na equipe no duelo contra o Vasco.

 

O time é o próximo adversário do Vitória. O jogador Uillian Correia recebeu o terceiro cartão amarelo e terá que cumprir suspensão. Vitória e Vasco se enfrentam no próximo domingo (5), às 18h (horário da Bahia), no Barradão, válido pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. O time Rubro-negro ocupa a penúltima posição com 34 pontos, enquanto o Gigante da Colina tem 44 e aparece em oitavo.

Vitória

30 de Out // | Vitória

O volante Uillian Correia deixou o gramado irritado com a arbitragem após o empate em 1 a 1 com o Atlético-GO, no domingo (29), no Barradão. A revolta é pelo gol marcado por Luiz Fernando. Correia alega Walter, autor da assistência, estava em posição de impedimento. “Por causa de um metro, ele [Walter] estava um metro na frente”, bradou.

 

Correia recebeu o terceiro amarelo e não vai encarar o Vasco. Mas ele pediu foco aos seus companheiros para o compromisso no Rio de Janeiro. O confronto será disputado no próximo domingo (5), às 18h (horário de Salvador), no Maracanã. “Agora é trabalhar. Pegar o Vasco fora de casa e temos que pontuar. Lá atrás esse ponto em casa seria valorizado”, acrescentou.

 

Com 34 pontos, o time comandado pelo técnico Vagner Mancini ocupa penúltima posição no Campeonato Brasileiro. O Vitória recebeu folga e só se reapresenta nesta próxima terça-feira (31), visando o confronto contra o Vasco da Gama. Apenas os jogadores que estão no departamento médico ou na fase de transição, comparecerão ao CT Manoel Pontes Tanajura.

Vitória

27 de Out // | Vitória

De omissão, pelo menos desta vez, não dá para culpar a diretoria do Vitória. Sabendo que a situação da equipe na tabela é dramática e que o jogo de domingo (29), às 17h (horário da Bahia), é fundamental para reverter o quadro, o rubro-negro preparou uma verdadeira ‘Operação Série A’.

 

O duelo, no caso, é contra o Atlético-GO, lanterna da tabela com sete pontos a menos que o Vitória. Adversário, em teoria, perfeito para dar fim à sina de não vencer no Barradão, que já dura cinco jogos. Combalido pelas quatro rodadas sem triunfo, o clima ficou pesado no início da semana na Toca do Leão.

 

A primeira medida foi injetar um ‘ânimo’ extra no elenco, nem que fosse através do bolso dos atletas. O presidente em exercício do clube, Agenor Gordilho, falou na última quarta-feira (25) da possibilidade de pagar um ‘bicho’ aos jogadores para que evitem o rebaixamento. Ele não chegou a prometer, mas disse que ofereceu isso ao elenco. Na sequência, veio a vez de envolver também a torcida.

Vitória

26 de Out // | Vitória

O Vitória sofreu 47 gols e tem a defesa mais vazada do Campeonato Brasileiro, juntamente com o Atlético-GO. E ultimamente, o time Rubro-negro tem falhado na bola parada. Para o zagueiro Kanu, sua equipe está com falta de concentração. Ele acredita que o técnico Vagner Mancini irá corrigir esse problema.

 

“A gente vem pecando nesse aspecto na bola aérea, mas é falta mais de concentração. Bola parada é quando a gente tem que estar mais concentrado. Mas acredito que a gente vai acertar isso. O Mancini vai acertar isso”, afirmou. O defensor, que está fora de combate há pouco mais de um mês, deve voltar neste domingo (29) contra o Atlético-GO, no Barradão, válido pela 31ª rodada.

 

Ele sofreu uma sinovite no joelho e projeta “um bom retorno”. “É triste, né? Eu amo jogar futebol, é minha profissão. Quando não está atuando fica triste. Continuei trabalhando. As dificuldades vêm para você voltar mais experiente, dar mais valor. Acredito que nesse período foi triste. Tenho certeza que vou ter um bom retorno”, finalizou. Com 33 pontos, o Vitória ocupa a 17ª posição no Brasileirão.

Vitória

26 de Out // | Vitória

Sem jogar há mais de um mês por conta de uma sinovite no joelho, o zagueiro Kanu deve ficar à disposição do técnico Vagner Mancini para o duelo entre Vitória e Atlético-GO, domingo (29), às 17h, no Barradão, válido pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. O atleta já treina normalmente e diz bem fisicamente.

 

“Estou bem fisicamente, tive uma evolução boa. Vou continuar trabalhando para melhorar ainda mais até o dia do jogo contra o Atlético. O mais importante é retornar 100% e confiante. Tenho trabalhado focando nisso”, disse o jogador, em entrevista ao Bahia Notícias. O jogador ainda pregou respeito ao Atlético-GO, que ocupa a lanterna no certame.

 

“Vamos respeitar o Atlético, que vem para o tudo ou nada. O jogo é muito perigoso. Precisamos vencer de qualquer jeito para deixarmos o Z4 e não voltarmos mais para ele. Estamos confiantes e trabalhando para isso”, finalizou. Com 33 pontos, o Vitória ocupa a 17ª posição no Brasileirão. O árbitro paulista Luiz Flávio de Oliveira, do quadro da Fifa, será o responsável por comandar o duelo entre Vitória e Atlético-GO.

Vitória

25 de Out // | Vitória

O Vitória apostou na conversa e no trabalho técnico na manhã desta quarta (25), de olho no confronto contra o Atlético-GO. Agenor Gordilho, presidente em exercício da agremiação, reuniu o elenco e teve um longo bate-papo. O dirigente revelou que a conversa foi “para incentivar o time”, que não vive um bom momento no Brasileirão.

 

Em campo, Mancini dividiu o grupo em três times, com oitos atletas na linha cada um. O atacante Kieza e o zagueiro Kanu treinaram mais uma vez normalmente. O goleiro Fernando Miguel e o volante Willian Farias continuaram em recuperação no departamento médico segundo informações do Bahia Notícias.

 

O time comandado pelo técnico Vagner Mancini volta aos trabalhos na tarde desta quinta-feira (26). O trabalho será fechado à imprensa. Com 33 pontos, o Leão ocupa a 17ª posição no certame, enquanto o time goiano tem 26 e aparece em último. O próximo duelo do Vitória é contra o Atlético-GO, domingo (29), às 17h, no Barradão, em compromisso válido pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Vitória

25 de Out // | Vitória

O zagueiro Wallace, do Vitória, crê em um jogo de extrema dificuldade contra o lanterna Atlético-GO, domingo (29), às 17h (horário de Salvador), no Barradão. O time goiano tem apenas 26 pontos em 30 partidas disputadas. Com 33 pontos, o Vitória ocupa a 17ª posição no Brasileirão.

 

“Questão de teoria. Se fosse assim o Vitória não teria perdido tanto, como perdeu no Barradão esse ano. É entrar e saber que não estamos em uma posição confortável, ainda ficam faltando mais três vitorias se ganharmos [para se livrar da degola]. Vai ser um jogo de extrema dificuldade, até porque a equipe do Atlético-GO tem colocado dificuldade para todas equipes que jogam”, afirmou.

 

Além de integrar o temido Z-4, o time Rubro-negro ainda é o pior mandante da competição e só conseguiu conquistar dois triunfos dentro de casa. Para Wallace, a sua equipe precisa “parar de errar em demasia”. “É só deixar de fazer o que a gente vem fazendo no Barradão, que é errar em demasia. Esses erros coletivos têm trazido resultados ruins. Temos que sanar isso o quanto antes”, emendou segundo informações do Bahia Notícias.

Vitória

24 de Out // | Vitória

Kanu não entra em campo há exatamente um mês, mas deve retornar ao time neste próximo domingo (29), quando o Vitória enfrenta o Atlético-GO, às 17h, no Barradão segundo informações do Correio da Bahia. Nesta terça-feira (24), o zagueiro disputou o primeiro coletivo após se recuperar de contusão no joelho esquerdo. 

 

A atividade comandada pelo técnico Vagner Mancini teve a presença dos jogadores reservas e de atletas da equipe sub-20. Kanu defendeu o Vitória em 19 jogos neste Brasileirão, o último deles no dia 24 de setembro, quando o Leão venceu o Atlético-MG por 3x1, no estádio Independência, em Belo Horizonte.

 

Companheiro de Kanu na defesa até ele se machucar, o capitão Wallace comemorou o retorno do companheiro. “Fred fez boa partida contra o Bahia, mas a volta do Kanu é importante para o grupo, que fica mais encorpado, até pela questão das bolas aéreas ofensivas, do entrosamento”, afirmou Wallace. Zagueiro artilheiro, Kanu anotou quatro gols neste Brasileirão. Com 33 pontos, o Leão amarga a zona de rebaixamento do Brasileirão.

Vitória

24 de Out // | Vitória

Vagner Mancini completou 51 anos de vida nesta terça-feira (24). No dia em que comemorou mais um aniversário, o técnico do Vitória comandou um treinamento no CT Manoel Pontes Tanajura, de olho no confronto contra o Atlético-GO, domingo (29), às 17h (horário de Salvador), no Barradão, válido pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro.

 

Antes de começar o treino, o comandante Rubro-negro conversou com o elenco por cerca de 20 minutos. Em seguida, os atletas cantaram parabéns para o treinador. Os jogadores que atuaram por mais de 45 minutos realizaram aquecimento e depois participaram de uma roda de bobinho.

 

Menos David e Fred, que foram poupados por apresentarem cansaço muscular. Já o restante da equipe participou de um coletivo. Kanu e Kieza participaram normalmente de todos os trabalhos. O goleiro Fernando Miguel continuou em tratamento no departamento médico por conta de uma fascite plantar. Willian Farias realizou, que se recupera de um problema no joelho, permaneceu no DM. O Vitória volta aos trabalhos na manhã desta quarta (25).

Vitória

23 de Out // | Vitória

Após a polêmica ao fim do clássico BaVi, onde foi acusado pelo volante Renê Junior de cometer um ato racista, o atacante do Vitória, Santiago Tréllez, publicou nas redes sociais um texto pedindo desculpas e dizendo ter sido “interpretado de um modo diferente”. O texto foi postado juntamente com uma foto.

 

O colombiano aparece ao lado do seu pai, John Jairo Tréllez. “Sou filho de um homem negro, o que faz de mim um negro também. Cresci vendo meu pai passar por situações ruins no futebol e nunca me imaginei sendo personagem de algo assim, muito menos com meus colegas de profissão. Na emoção da partida existem discussões, todos queremos ganhar”.

 

“Se de alguma forma a emoção tomou conta de mim, e o que eu disse foi interpretado de um modo diferente, eu peço desculpas. Fui ensinado desde crianças que somos todos iguais. Eu tenho orgulho de ser negro e não tem ninguém que eu admire mais na vida que meu pai, que também é negro”. O pai do jogador do Leão, John Jairo, foi jogador de futebol e chegou a atuar pela seleção colombiana entre os anos de 1989 e 1992.

Vitória

23 de Out // | Vitória

Após a polêmica com Renê Junior, o atacante do Vitória, Santiago Tréllez, divulgou um vídeo em que diz que não teve a intenção de ofender. Durante o clássico BAVI, na tarde deste domingo (22), na Arena Fonte Nova, o jogador tricolor acusou o colombiano de racismo. No vídeo divulgado nas redes sociais do Vitória, Tréllez pediu desculpas.

 

"A gente falou muitas coisas, ele me xingou, eu xinguei ele. Em nenhum momento eu quis ofender ele, se ofendi peço desculpas para ele, para todo o povo brasileiro, da Bahia".Após o jogo, Renê Junior afirmou que o colombiano o chamou de "macaco" e afirmou que é inadmissível que ainda exista racismo no mundo de hoje.

 

Sem verbalizar a palavra, o atacante rubro-negro negou a ofensa e se defendeu dizendo que ele também é "preto". "Também quero falar que eu não chamaria ele de como estão falando que eu falei. Primeiro porque eu sou preto; segundo, meu pai é preto, ele é rastafári. Na minha família temos muitos pretos e eu amo ser preto", finalizou Tréllez segundo informações do galaticosonline.

Vitória

20 de Out // | Vitória

O clima pesou. O Vitória chegou à décima derrota seguida em casa e, com ela, aumentou o peso nas costas dos atletas, que procuram palavras para explicar o péssimo desempenho como mandante neste Brasileirão. Nesta quinta (19), o adversário foi o Atlético-PR, que venceu de virada, por 3x2, no Barradão.

 

Irritado, Wallace resumiu. “Crianças. É isso que nós fomos em campo. Agimos como meninos. O Atlético pedindo para tomar três, quatro, e nós não fomos capazes de fazer”, bradou o zagueiro. Outro que estava com os nervos à flor da pele foi o goleiro Caíque, alvo de críticas, vaias e ofensas dos torcedores ao fim do duelo.

 

“Eu vou falar o que para explicar? Nada. Não tenho nada para falar. Querem comparar meu tamanho, a minha envergadura, com o tamanho do gol, como se eu não pudesse sofrer gol. Torcedor é assim. Um dia, vaia, depois aplaude. A vida é assim. Eu só tenho 20 anos. Eu sou homem, assumo quando eu erro. O dia que eu errar, serei o primeiro a assumir. Não vou aceitar ser crucificado. Mas enfim, tá tudo certo. Ano que vem meu contrato acaba”, desabafou.

Vitória

19 de Out // | Vitória

Perder no Barradão já é rotina para o Vitória. O time é o pior mandante do Campeonato Brasileiro. E no duelo contra o Atlético-PR, disputado nesta quinta-feira (19), o Rubro-negro baiano manteve a sina e foi derrotado por 3 a 2. O próximo compromisso do Vitória é contra o arquirrival Bahia, domingo (22), às 16h na Arena Fonte Nova.

 

Pior mandante do Campeonato Brasileiro, o Vitória entrou em campo com o objetivo de mudar esse panorama. Porém, o Atlético-PR tomou a iniciativa do jogo e criou a primeira chance de gol. Aos dois minutos, Ribamar disparou pela esquerda e mandou uma bomba. Caíque pulou e fez uma excelente defesa.

 

No entanto, aos três, o Atlético-PR abriu o placar no Barradão. Após cobrança de escanteio, Ribamar subiu sozinho e cabeceou para o fundo da rede. Em busca do empate, o Vitória acionava constantemente o lateral-direito Caíque Sá. Além disso, o time apostava em bolas alçadas na área. Aos 21, David arriscou de longe e Weverton espalmou. Um minuto depois, Caíque Sá cruzou rasteiro para a área, Wanderson tentou tirar e quase mandou contra o próprio patrimônio.

Vitória

19 de Out // | Vitória

O tema já está batido, chato e repetitivo, mas o mistério segue sem uma resposta: afinal, por que o Vitória não consegue mais ganhar no Barradão? Para que esse assunto finalmente chegue ao fim e a história mude de curso, o rubro-negro precisa quebrar esse jejum. A nova oportunidade para isso é vencer o Atlético-PR.

 

O time é o adversário desta quinta-feira (19), às 19h. O torcedor pode até não ter fé em superstições, mas, na dúvida, não custa nada arriscar. O meia Yago conta que a torcida rubro-negra está empenhada em pedir uma forcinha extra para que a má fase em casa, finalmente, vá embora. Ele, por exemplo, tem recebido presentes inusitados.

 

“É o que mais acontece, viu? Acontece bastante aqui. O pessoal gosta dessas superstições. No aeroporto mesmo, uma mulher entregou uma folha de arruda, um sal grosso. Mas isso aí a gente deixa para o torcedor. Temos que fazer o nosso trabalho dentro de campo”, comentou o atleta. Nem o técnico Vagner Mancini escapa do olhar supersticioso. O treinador usou a mesma camisa roxa em todos os jogos que o Leão fez como mandante sob seu comando. Seria ela a azarada?

Vitória

18 de Out // | Vitória

O Vitória começou e terminou sua preparação para o jogo contra o Atlético-PR, nesta quinta-feira (19), às 19h (horário da Bahia), no Barradão. A partida é válida pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro. Isto porque a atividade desta quarta (18) foi a única antes do jogo contra a equipe paranaense. O treino foi fechado à imprensa.

 

De acordo a assessoria do clube, o técnico Vagner Mancini orientou um trabalho tático com foco no posicionamento da equipe. Depois do treino tático, o time fez uma atividade com bola em campo reduzido. O atacante Kieza, em fase final de recuperação de uma pequena cirurgia na virilha, e o zagueiro Kanu, que tem uma sinovite no joelho, realizaram um treinamento separados do grupo.

 

O goleiro Fernando Miguel realizou tratamento no departamento médico por conta de uma fascite plantar. O técnico Vagner Mancini não quis adiantar a escalação, porém a equipe deve ir a campo com: Caíque; Caíque Sá, Ramon, Wallace e Juninho; Uillian Correia, Fillipe Soutto, Yago e Neilton; David e Santiago Tréllez. Com 33 pontos, o Vitória ocupa a 15ª posição no Campeonato Brasileiro, enquanto o Atlético-PR tem 35 e aparece em 11º.

Vitória

18 de Out // | Vitória

Segundo melhor visitante e pior mandante do Brasileirão, o Vitória volta a jogar em casa nesta quinta-feira, quando vai receber o Atlético-PR, pela 29ª rodada do torneio nacional. Após o empate com o Santos no Pacaembu, o Rubro-Negro volta a jogar contra si mesmo para tentar voltar a vencer em seus domínios.

 

O último triunfo conquistado no Barradão foi em 2 de agosto, na 18ª rodada, quando bateu a Ponte Preta. O motivo para a queda de rendimento da equipe diante de sua torcida não é claro, mas o volante Uillian Correia tem ideias para mudar este cenário segundo informações do Globoesporte.

 

A primeira delas é a mudança de postura dos jogadores, aliada a linhas mais baixas e um contra-ataque “mortal”. - A gente sabe que o nosso contra-ataque é mortal. Toda vez que nós contra-atacamos, nós chegamos com facilidade à frente. Então a gente tem alternado muito dentro de casa, porque a gente está jogando muito numa linha mais alta. A gente quer pressionar o adversário, então não necessita disso.





Classificados


Enquete



Mais Lidas