Esportes

Leão aposta na força do Barradão para encarar Botafogo nesta quarta

O Barradão é diferente. É inegável que, quando pisa no seu estádio, o Vitória se transforma dentro de campo. Confiança e autoestima são os primeiros sintomas que aparecem - e eles serão fundamentais para o Leão, que jogará nesta quarta-feira (14) no seu santuário, às 19h30, contra o Botafogo.

 

Não é superstição, é fato. Quando o jogo é na Toca, o time se sente, como não poderia deixar de ser, em casa. “Jogar no Barradão é sempre bom. É nossa casa, tem que fazer valer. Aqui o Vitória sempre é mais forte, joga para ganhar, tem o apoio da torcida. Foi aqui que demos o nosso primeiro passo, vencendo o Atlético Mineiro domingo”, analisa o zagueiro Kanu.


Apesar de finalmente espantar a zica e vencer o primeiro jogo do Campeonato Brasileiro na rodada passada, o Vitória não pode cochilar. Os números ainda são ruins. Dos 18 pontos disputados, o Leão conquistou apenas quatro, com uma vitória, um empate e quatro derrotas, o que lhe rende a 18ª colocação na tabela. Uma situação desconfortável, como resume Kanu.

 

“É verdade, estamos em uma zona que não é legal. Uma zona de desconforto. A vitória foi legal, importante para recuperar a confiança, mas a gente tem que somar porque estamos perto da beira, então temos que fazer esse ponto para sair lá de baixo. Nosso plantel tem essa consciência, temos que pontuar para dar um salto na tabela”, avaliou.

 

Primeiro encontro
Para um jogador em especial, a sensação de pisar no Barradão e se sentir em casa será novidade. Contratado há duas semanas, o volante Fillipe Soutto sentirá pela primeira vez o peso da camisa rubro-negra. E a responsabilidade é grande. Ele foi o escolhido pelo técnico Alexandre Gallo para substituir uma das principais peças do time, o capitão Willian Farias, que está suspenso.

Além dele, o atacante Paulinho, que costuma entrar nos jogos no segundo tempo, também levou o terceiro cartão amarelo e está fora. Outra novidade no time é o retorno do lateral-direito Patric, que ficou fora do jogo contra o Atlético Mineiro devido a uma cláusula contratual. Ele manda Leandro Salino de volta para o banco.

 

Tem mais notícia boa por aí. O atacante André Lima, que não atua há mais de um mês, se recuperou de uma fascite plantar (inflamação na sola do pé) e foi relacionado. Apesar de ser o artilheiro do time no ano ao lado de Kieza, ambos com 10 gols, ele ficará no banco. O ataque será formado por David, Neilton e Kieza. Com as alterações, o Leão deve ir a campo com Fernando Miguel, Patric, Fred, Kanu e Thallyson; Uillian Correia, Fillipe Soutto e Gabriel Xavier; David, Neilton e Kieza.

 

Confira as prováveis escalações para Vitória x Botafogo:


Categorias

Vitória




Classificados


Enquete



Mais Lidas