Esportes

Alexandre Gallo elogia raça do Vitória em empate e minimiza falhas: 'Erros acontecem'

O empate do Vitória diante do Botafogo no Barradão, na quarta (14), freou um princípio de reação do Leão no Brasileirão e, mais uma vez, evidenciou falhas individuais do sistema defensivo. No lance do primeiro gol alvinegro, o lateral Thallyson furou o chute e deixou Bruno Silva de cara com Fernando Miguel para mandar para as redes.

 

Poucos minutos antes, o mesmo Thallyson havia errado recuo de bola, mas contou com a pontaria ruim de Bruno Silva, que chutou para fora. Após a partida, o técnico Alexandre Gallo foi questionado sobre as falhas do lateral, mas preferiu contornar a situação.  "Essa análise a gente não externa, porque a gente se cobra muito aqui dentro".

 

"É um profissional muito dedicado, pergunta o que tem que fazer. Erros acontecem, a gente não pode crucificar. Temos que melhorar. Tivemos muito pouco tempo para trabalhar e cobrar posicionamento melhor. É um atleta muito dedicado", explicou o treinador. Alexandre Gallo aproveitou para elogiar a raça dos jogadores, que conseguiram o empate no segundo tempo depois de sair perdendo por 2x0. O resultado manteve o rubro-negro na zona de rebaixamento.

No próximo domingo (18) o adversário será o Sport, na Ilha do Retiro."O futebol está sempre nos ensinando. A reação foi excelente. A equipe tem brio. Contra uma equipe defensivamente forte, com duas linhas de quatro. Não tivemos uma equipe equilibrada defensivamente. O Fillipe (Soutto) não vinha jogando. Até surpreendeu. Gostei do trabalho dele, mas é claro que faltou uma conversa, até para fazer uma transição mais técnica", disse Gallo.


Categorias

Vitória




Classificados


Enquete



Mais Lidas