Esportes

Sob protestos da torcida, Vinícius sai em defesa de Guto Ferreira: 'A culpa não é dele'

O meia Vinícius, do Bahia, não concordou com os protestos da torcida contra o técnico Guto Ferreira após o empate em 1 a 1 com o Fluminense de Feira no sábado (27), pela terceira rodada do Campeonato Baiano. Segundo o atleta, a má fase não pode ser creditada ao treinador. Nesta terça (30), a equipe vai enfrentar o Altos-PI fora de casa.

 

"A culpa não é dele [Guto Ferreira]. Temos a consciência de que não estamos conseguindo render, mas é início de temporada. Vamos começar a sair com os triunfos. É complicado falar, mas jogar no Bahia é isso", disse, em entrevista à Rádio Metrópole. Com o resultado, o Esquadrão de Aço vai aos quatro pontos no Baianão.

 

Em entrevista coletiva, o comandante afirmou que encara a situação de forma natural e pregou respeito ao descontentamento dos adeptos. "Encaro da maneira mais natural possível. Estão no direito deles. É ouvir, respeitar e seguir o meu trabalho. Não tenho que avaliar o torcedor e respeitar. Torcedor tem todo o direito e não tenho que questionar. Tenho que ouvir calado e fazer o meu melhor", indicou segundo informações do Bahia Notícias.


Categorias

Bahia




Classificados


Enquete



Mais Lidas