Esportes

Guto Ferreira parabeniza Élber e explica substituição questionada pela torcida

Após o triunfo do Bahia sobre o Vasco por 3 a 0, o técnico Guto Ferreira abriu a entrevista coletiva da tarde deste último domingo (27) parabenizando a torcida, que compareceu ao estádio em meio à crise no país, e o atacante Élber, que completou 26 anos e conseguiu marcar o seu primeiro gol com a camisa tricolor.

 

Segundo o comandante, o tento que abriu o placar foi essencial para o resultado. "Em cima de todo esse problema de transporte, você coloca 15 mil pessoas. Parabéns e obrigado, nação tricolor. Pelo apoio, pela vinda e por jogar com a equipe. Segundo parabéns vai pro Élber, que tá de aniversário e, num momento como esse, foi feliz hoje".

 

"Em um momento crucial fez um gol que deu tranquilidade maior", indicou. Quando o relógio marcava 17 minutos do primeiro tempo e o resultado ainda estava no 0 a 0, o técnico tirou Júnior Brumado e colocou Régis, algo que irritou os torcedores presentes na Arena Fonte Nova. Apesar dos protestos, deu resultado. Régis participou dos três gols do Tricolor. Em sua explicação, Guto afirmou que o objetivo era romper a linha defensiva do adversário.

 

"Não foi muito demorado. A leitura foi que naquela altura, Brumado estava prendendo os dois zagueiros, mas precisávamos que penetrasse no costado dos zagueiros. E a entrada de jogadores mais móveis trouxe os laterais fechando as linhas e aí, na jogada pelo lado do campo, Régis e João Pedro envolveram e preparar a jogada para o Élber matar. Conseguimos romper a linha, coisa que a gente estava com dificuldade".

 

"Ele estava cansando os zagueiros, para que naquela altura entrar com jogadores mais rápido. Por que tirar Brumado e não Vinícius? Porque Vinícius tem o toque diferente e é um jogador que, para o momento, era o que a gente buscava", indicou. Fora da zona de rebaixamento, o Bahia ocupa o 15º lugar da competição nacional, com oito pontos conquistados.


Categorias

Bahia




Classificados


Enquete



Mais Lidas