Esportes

Com direito a falha de Muslera, França vence Uruguai por 2 a 0 e vai à semifinal da Copa

Campeã em 1998, a França está em mais uma semifinal de Copa do Mundo. Em Níjni Novgorod nesta sexta (6), os azuis foram superiores ao Uruguai e venceram por 2 a 0. Raphael Varane e Antoine Griezmann, com uma falha clamorosa do goleiro Muslera, marcaram os gols. Agora, os franceses esperam pelo confronto entre Brasil e Bélgica, às 15h.

 

Pode ser mais um encontro decisivo em mundiais contra o time canarinho. O Uruguai iniciou a partida dando um susto na França. Após ganhar de Pavard no lado esquerdo, Laxalt cruzou, a bola cruzou a área e parou em Suárez, que ajeitou o corpo e fez novo cruzamento, mas Stuani não completou.

 

Um minuto depois, Stuani bateu cruzado e a bola passou ao lado da meta. Na sequência, a França dominou mais a bola e acabou sofrendo com fortes faltas dos uruguaios. Hernandéz e Mbappé foram vítimas da forte marcação. Depois, foi a vez de Umtiti fazer uma dura falta em Luis Suárez. Aos 15, Mbappé teve uma grande chance de colocar a França na frente. Depois de cruzamento, Giroud ajeitou para o jovem, que estava livre de marcação.

 

Com a possibilidade de domínio, ele preferiu cabecear sem direção ao gol. Quando o relógio marcava 35 minutos, Stuani aproveitou a sobra na grande área, dominou e chutou para defesa do goleiro Lloris. Aos 39 minutos, a França abriu o placar. Após cobrança de falta de Griezmann, Varane superou a forte defesa dos uruguaios e desviou de cabeça, sem dar chances para Muslera.

 

Dois minutos depois, o Uruguai bateu escanteio, a defesa da França afastou e Bentancur finalizou a sobra de primeira. Lorris defendeu. Apenas uma palavra pode definir o que fez Lloris aos 43 minutos: espetacular. Após cruzamento na área, Cáceres cabeceou no cantinho e o goleiro esticou o braço direito para evitar o gol. Na sobra, Godín tentou, mas errou por muito a finalização.

 

A segunda etapa começou sem grandes chances de gol. As coisas começaram a esquentar a partir dos dez minutos. Após sobra na grande área, Stuani finalizou de fora da área, mas a direção foi longe da meta. Dois minutos depois, Cáceres cruzou na área e a defesa afastou. A França aumentou aos 15 minutos. De longe, Antoine Griezmann pegou firme na bola.

 

Muslera até que tentou ficar com a bola, mas ela escalou das mãos e balançou a rede. Na sequência, o Uruguai partiu ao ataque. Após cobrança de escanteio, a bola sobrou com Cristian Rodríguez, que finalizou de esquerda e o chute passou muito perto da meta. Com 22 minutos de jogo, Mbappé sofreu uma falta, caiu e o time do Uruguai se irritou com o francês e gerou uma grande confusão.

 

No fim, ele e Rodríguez levaram cartão amarelo. Depois da briga, aos 27, Tolisso bateu colocado e quase marcou o terceiro. O time uruguaio, com a sua costumeira raça, até tentou chegar o ataque nos minutos finais, mas não conseguiu ser efetiva, enquanto a França trocava passes no fim do campo. A estratégia deu certo e o placar se manteve no 2 a 0.


Categorias

Copa do Mundo




Classificados


Enquete



Mais Lidas