Esportes

Depois do silêncio, Neymar usa as redes sociais para emocionar. Confira!

Primeiro, o silêncio, o desprezo. Depois, as redes sociais. Depois dará uma exclusiva para um jornalista amigo. Provavelmente chorará. 

 

Os dois itens, Neymar já cumpriu. Depois da eliminação do Brasil na Copa, virou as costas aos jornalistas do mundo todo, em um comportamento deplorável. 

 

(...) Eram quase 300 jornalistas do mundo inteiro esperando pelos jogadores da Seleção. Três horas depois da partida, Resignados, diante da rotina imposta por Tite após as partidas na Copa da Rússia. Banho, jantar e palestra para acalmar os nervos dos atletas. 

 

Nesta longa espera, o principal jogador do país, o real líder do grupo na Rússia, provocava a maior expectativa. 

 

(...) Mas Neymar é diferente. 

 

Com ele é rancor ou silêncio. 

 

E o camisa 10 do Brasil passou entre os 300 jornalistas de todo o planeta do jeito que explica sua imensa rejeição, apesar do talento incrivel que possui.Bastou ele surgir, que os gritos de "Neymar, Neymar, Neymar", nos mais variados sotaques dominavam a zona mista da arena de Kazan. Jornalistas, radialistas e repórteres de tevê dos veículos mais fortes do planeta. 

 

E homens de 30, 40, 50 e até 60 anos, se empilhavam em uma cerca metálica. Com seus celulares servindo como gravadores, com os braços esticados, implorando uma palavra do jogador. 

 

Sua reação foi a pior possivel. Ao lado de Philippe Coutinho, ele apenas olhava os que gritavam mais alto. Os encarava com desprezo e seguia, como se fosse surdo. Foi assim com todos os veículos, mesmo com a Globo, com quem teve contrato de exclusividade na Copa de 2018 e seu pai amarrava um acordo de paz. 

Alguém do staff de mais de 30 pessoas que cuidam da carreira de Neymar deveria estar ontem na madrugada de Kazam, as 2h40 da manhã, quando ele acabou de passar. E sentir o ódio dos jornalistas pelo desprezo do jogador. 

 

Perceber o ressentimento que ele provocou. Ouvido os adjetivos e palavrões em vários idiomas. Foram esses 300 desprezados que foram mostrar para seus leitores, ouvintes ou telespectadores quem é Neymar.

 

O jogador que ficou mais de 15 minutos deitado no gramado durante a Copa. Acabou marcado por simular faltas, agressões. No Brasil o que é esperteza, na Europa é deslealdade. 

 

Uma empresa portuguesa decidiu colocar uma foto do brasileiro e o associar aos números de trotes, chamadas de emergências que são falsas. 

 

(...) Neymar foi o primeiro a confirmar que não voltará ao Brasil no avião que a CBF fretou. Não desembarcará no Rio de Janeiro na madrugada deste domingo.  Ele pegará seu jato particular e decidirá onde irá aproveitar suas férias. Pode ser no Brasil, no Taiti, em Paris. Só dependeria de sua vontade.

 

(...) Sua carreira é espetacular. Em clubes. Na Seleção principal só ganhou a Copa das Confederações, laboratório para o Mundial de 2014. Fracassou em Copa América e nas duas Copas do Mundo.

 

(...) quem é o principal talento da única seleção pentacampeã do mundo precisa saber o que representa para 213 milhões de pessoas. 

 

A postura de Neymar não só o prejudica. 

 

Corrói o encanto do mundo pela Seleção. (...) Conversa Afiada/Por Cosme Rímoli, no R7:


Categorias

Copa do Mundo




Classificados


Enquete



Mais Lidas