Esportes

Willian Farias traça meta para escapar da zona de rebaixamento: 'Vencer cinco partidas'

O Vitória tem 29 pontos e ocupa 17ª colocação no Campeonato Brasileiro. Para deixar o temido Z-4, o volante Willian traçou uma meta: vencer mais cinco jogos. Faltam 11 partidas para o término do certame nacional. O duelo desta próxima sexta-feira (5) é contra o Santos, às 21h30, no Estádio Manoel Barradas, válido pela 28ª rodada do Brasileirão.

 

“Vencer cinco partidas. Aí não corre mais rico. Para isso a gente tem que suar sangue. Tem que lutar, batalhar. A gente sabe que tem um número mágico, que é 45 pontos. A gente tem que fazer isso o quanto antes. Aí não corre os mesmos riscos que correu nos últimos anos”, afirmou segundo o Bahia Notícias.

 

Farias se recuperou de um problema no tornozelo e para ganhar ritmo de jogo atuou na equipe sub-23, na terça-feira (2), contra o Atlético-PR, no Barradão. O atleta destacou a importância de ter disputado a partida. “Acho que na verdade eu achei que teria um tempo maior, para poder treinar e poder pegar ritmo de jogo, até mesmo com o pessoal do sub-23. Os meninos já vêm jogando há um bom tempo, até encontrei facilidade no jogo, me senti bem”.

 

“Estou recuperado, importantíssimo o ritmo de jogo. Fui par ao sub-23 pegar ritmo de jogo. Muitos falaram que eu ia ajudar o sub-23, mas foi o contrário, eu fui ajudado”, declarou. Pela equipe principal, seu último jogo foi no dia 26 de agosto, no triunfo por 1 a 0 sobre o Atlético-MG, no Barradão. A tendência é que ele pinte na equipe titular no confronto contra o Santos, sexta-feira (5), às 21h30, dentro de casa, pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro.

 

“Também sinto saudade de jogar, ter uma sequência maior de jogos, conseguir isso. Obviamente estou esse tempo fora não é porque quero. Muitos acham que não faço nada, que estou aqui de sacanagem. Mas não. Tenho trabalhado muito para voltar e voltar bm. Estou utilizando de tudo que o clube disponibiliza para não só voltar a jogar, mas jogar um bom futebol. Tecnicamente pode faltar alguma coisa, ritmo de jogo, tecnicamente e fisicamente. Mas a gente tem que superar isso nesse momento. Jogo importante, se a gente não está no ideal, tem que buscar força onde estiver, porque esse jogo é muito importante”, ressaltou.





Classificados


Enquete



Mais Lidas