Notícias

Em invasão a igrejas, bandidos bebem vinho e roubam dinheiro de romaria na Bahia

Duas igrejas foram alvo da ação de bandidos em um intervalo de dez dias na cidade de Eunápolis, no sul da Bahia. O primeiro caso, que ocorreu no templo Santa Isabel, além de levarem computadores, aparelhos eletrônicos e outros objetos, os assaltantes beberam o vinho da santa ceia. A Polícia Civil investiga os dois casos, que de acordo com o coordenador da Delegacia de Eunápolis, Moisés Damasceno, não têm relação.
 
"Invadiram a secretaria, invadiram algumas salas, invadiram a paróquia, violaram o templo e também mexeram na secretaria, dentro da igreja. Mexeram na sacristia, reviraram algumas gavetas. Então, acabaram levando algumas coisas de muita importância para nós", disse o Frei Gutemberg da Silva Santos, pároco da Igreja Santa Isabel.
 
Na parte de trás da igreja funciona um centro universitário católico, que também foi roubado. O caso aconteceu no dia 3 de março, e a polícia já tem suspeitos. Já no último domingo (12), a Catedral de Nossa Senhora Auxiliadora, que fica no centro de Eunápolis, também foi arrombada e R$ 5 mil que seriam usados em uma romaria foram levados da secretaria da igreja.
 
"Vai ter uma romaria para a [Nossa Senhora] Aparecida e as pessoas estavam devolvendo, ou seja, pagando os seus boletos para levar para a agência de turismo. E a secretária tinha juntado esse dinheiro, e o rapaz viria buscar, no sábado [11], e não veio", relatou Alessandro Collen, pároco da Igreja Nossa Senhora Auxiliadora. A porta da secretaria da igreja da Catedral de Nossa Senhora Auxiliadora já foi fechada com tijolos nesta terça-feira (14).
 
A ação dos bandidos foi no horário de almoço, quando ninguém estava no local. Eles entraram arrombando a porta lateral da igreja, que já foi consertada, depois seguiram para a sacristia, onde forçaram outra porta. Como não encontraram dinheiro na sala onde os dízimos são contados, eles seguiram para a secretaria e quebraram cadeados e a porta. Quando o vigia chegou, o dinheiro já tinha sido levado.
 
Investigação
Moisés Damasceno, coordenador da 23ª Coorpin, disse que os crimes contra as duas igrejas não têm relação. "Na Igreja Santa Isabel, os indivíduos focaram bastante em aparelhos eletrônicos, como datashow, microfone, até duas taças também foram levadas. E na igreja católica da matriz [catedral de Nossa Senhora Auxiliadora], foram levados apenas os valores em dinheiro que estavam no local, em torno de R$ 5 mil. E havia também objetos de valor que poderiam ter sido subtraídos e não foram focados por eles", detalha o coordenador da 23ª Coorpin, Moisés Damasceno.
 
As investigações do roubo na catedral iniciaram na segunda-feira (13). Já no caso da Igreja Santa Isabel, a polícia já tem suspeitos. Para os fiéis das igrejas, fica a esperança de que os bandidos se arrependam e devolvam o que levaram dos templos. "A gente espera que eles possam se arrepender pelo que fez (sic), né, que a misericórdia de Deus possa tocar no coração de cada um, e que a justiça de Deus seja feita", apela a dona de casa Denai Farias. G1

Categorias

Violência




Classificados


Enquete



Mais Lidas