Notícias

Vice-diretor de escola lamenta morte de jovem em academia de Catu: 'Tranquila'

A morte da menina de 18 anos dentro de uma academia de Catu, município a cerca de 90 quilômetros de salvador, chocou a população da cidade. A vítima era estudante do Colégio Estadual Maria Isabel de Melo Goes, e a notícia do crime surpreendeu a direção da escola. A jovem era tida como uma menina muito tranquila por todos.
 
A afirmação é do Delmacir Ribeiro, vice-diretor do colégio. A instituição decretou luto. Na manhã desta sexta-feira (17), Delmacir Ribeiro falou sobre a morte da estudante. "A notícia pegou todo mundo de surpresa, ela era uma menina muito tranquila, não se envolvia em confusão.
 
A mãe dela era muito participativa dentro da escola, e ela era querida por todos. Não dá para imaginar alguém querer fazer mal a uma pessoa assim", desabafou o vice-diretor. O colégio já estava sem aulas desde o dia 15, devido à mobilização contra a reforma da Previdência, mas a direção fez questão de decretar luto após a morte da estudante. A vítima estava cursando o terceiro ano do Ensino Médio.
 
O enterrro da jovem está marcado para acontecer às 15h desta sexta-feira, no cemitério municipal de Catu. De acordo com o vice-diretor, outros alunos da escola estão organizando uma forma de prestar homenagens à vítima durante a cerimônia. "Estão combinando de irem todos com a farda da escola", contou. As informações são do G1.
 
O G1 também entrou em contato com o delegado Henrique Morais, que investiga o crime. De acordo com ele, a polícia já tem uma linha inicial de investigação, mas os detalhes do caso não podem ser repassados à imprensa. Os suspeitos fugiram do local do crime a bordo de uma moto, e usaram capacetes durante a ação.

Categorias

Bahia




Classificados


Enquete



Mais Lidas