Notícias

Pai sequestra bebê e chantageia mãe em troca de foto da criança em Luís Eduardo Magalhães

Após 14 dias sem saber do paradeiro da filha de nove meses, Safira Benetino Avelino, de 19 anos informou que seu ex-marido e pai da criança, Carlos Henrique Martins, suspeito de ter sequestrado o bebê, entrou em contato pelo Facebook com ela há cinco dias. Na mensagem, o homem exigia que a jovem publicasse uma carta pedindo perdão a ele, em troca de fotos da bebê.
 
“Ele disse que ela está bem e que ela não sente minha falta. Eu pedi para mandar foto e ele disse que não ia mandar foto. Ele pediu para eu publicar carta no Facebook pedindo perdão para ele, dizendo que eu fui a errada de toda a história. Aí ele mandaria foto se eu fizesse isso”, afirmou Safira. Pouco depois, o perfil na rede social foi excluído.
 
O sequestro aconteceu na manhã do último dia 6, em de Luís Eduardo Magalhães, oeste do estado. De acordo com Safira, ela havia se separado de Carlos e ele havia ido visitar a criança. "Dessa vez, ele chegou dizendo que ia embora para África. Pediu para tirar umas fotos com ela na praça antes da viagem. Ele é o pai e eu não queria tirar dele esse direito de sair com ela. Ele me pediu para eu arrumar uma bolsa com algumas peças de roupa. Eu fiz e ele saiu. Até agora, não apareceu”, relatou.
 
Antes de sair com a criança, o ex-marido deixou uma bolsa na casa contendo toalha e uma carta de despedida. No documento, Carlos diz que a bebê "adoece aí por falta de cuidados, por não se importar de vestir ela de acordo com a temperatura. Não alimenta minha filha adequadamente, banhos fora de hora” e que a ex-esposa não irá encontrá-lo “sei que você vai me procurar, mas não vai me encontrar. Estaremos bem longe de tudo e de todos”. O caso foi denunciado na delegacia local e os policiais fizeram buscas na cidade para encontrar informações que levassem ao paradeiro do suposto sequestrador e da criança, mas ainda não encontraram pistas.
 

Categorias

Bahia




Classificados


Enquete



Mais Lidas