Notícias

Lula diz que, se eleito, irá regulamentar a imprensa

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou, na noite desta sexta-feira (5), na abertura da etapa paulista do 6º congresso do PT, que se não for preso logo pode mandar prender os responsáveis por publicar informações que ele está para ser preso.

 

“Essa mesma imprensa que dizia que o PT acabou, dizia todo dia: amanhã, o Lula vai ser preso. Faz dois anos que eu ouço isso. Se eles não me prenderem logo, quem sabe um dia eu mando prendê-los por mentir”, garantiu.

 

 O petista prometeu, se for eleito novamente presidente em 2018, regulamentar os meios de comunicação.

 

Ainda em seu discurso, o ex-presidente chamou o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ), que de acordo com a pesquisa Datafolha divulgada no último domingo disputa o segundo lugar na disputa presidencial com Marina Silva (Rede), de “fascista” e o prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), a quem se referiu como “almofadinha”. Bahia.ba


Categorias

Notícias




Classificados


Enquete



Mais Lidas