Notícias

Pai de santo é preso suspeito de mandar matar outro por disputa de clientes em Feira

Um pai de santo de 67 anos foi preso, nesta sexta-feira (21), suspeito de mandar matar outro pai de santo por disputa de clientes, na cidade de Feira de Santana, a cerca de 100 km de Salvador. De acordo com informações da Polícia Civil, além dele, quatro suspeitos de terem executado o crime também foram presos. A vítima foi morta no dia 14 de março deste ano.

 

Segundo o delegado Gustavo Coutinho, titular da Delegacia de Homicídios (DH) de Feira de Santana, o pai de santo que foi morto era vizinho do mandante do crime, identificado como Thomaz Alves, e ambos ofereciam serviços espirituais em troca de dinheiro. Conforme o delegado, após perder clientes para o vizinho, Thomaz Alves decidiu mandar matar o homem.

 

O delegado informou que o pai de santo pagou R$ 4 mil para dois homens matarem a vítima, que tinha 58 anos. A dupla, conforme o delegado, contratou outros dois suspeitos e, juntos, eles cometeram o crime. De acordo com o delegado, a vítima foi atacada a tiros na frente do filho e da ex-mulher, na porta da casa onde morava, no distrito de Tiguaruçu, zona rural de Feira de Santana. Os suspeitos atiraram no pai de santo e, em seguida, fugiram do local do crime.

 

A vítima chegou a ser socorrida e levada para um hospital da região, mas não resistiu aos ferimentos. Segundo o delegado, em depoimento, os quatro suspeitos de terem matado a vítima confessaram o crime e apontaram o pai de santo Thomaz Alves como mandante do assassinato. Ele nega o crime. Conforme o delegado, os cinco suspeitos foram autuados por homicídio e serão encaminhados para o Presídio Regional de Feira de Santana, onde ficarão à disposição da Justiça.


Categorias

Violência




Classificados


Enquete



Mais Lidas