Notícias

Força-tarefa procura menina de 12 anos que estaria em lancha que naufragou

na embarcação Cavalo Marinho I, que naufragou na manhã da última quinta-feira (24), deixando 19 mortos, está sendo procurada por equipes do Corpo de Bombeiros e das polícias Militar e Civil. De acordo com informações da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), a informação de que a garota estaria na lancha foi passada por uma parente, no dia do naufrágio.

 

Entretanto, depois disso, a família não voltou a buscar a menina e nem fez o registro do desaparecimento. Na tarde desta segunda (28), guarnições do Grupamento Marítimo (Gmar) reiniciaram as buscas, com a ajuda de um software de mapeamento costeiro que delimita as áreas procuradas. O titular da 24ª Delegacia Territorial (Vera Cruz), delegado Ricardo Amorim, que investiga as causas do acidente, solicitou que parentes da adolescente formalizem o desaparecimento.

 

"O pessoal de resgate foi procurado por uma mulher no dia do acidente, que falou do sumiço de uma garota. Depois desse relato inicial, não foi mais vista. Peço que ela compareça nesta unidade para que nos dê mais detalhes", reforçou o delegado.

Até o momento, 101 pessoas foram ouvidas pela polícia, entre elas o proprietário da empresa responsável pela embarcação. Bahia Noticias


Categorias

Acidente




Classificados


Enquete



Mais Lidas