Notícias

Suspeitos de envolvimento em morte de policial civil na Liberdade são presos

Três suspeitos de envolvimento na morte do investigador da Polícia Civil da Bahia, Luiz Santos de Jesus, ocorrida em Salvador, foram presos. A informação foi divulgada pela assessoria do órgão nesta terça-feira (12) segundo informações do G1. O crime ocorreu no dia 14 de junho, no bairro da Liberdade.

 

A Polícia Civil não deu detalhes das prisões e informou que os três suspeitos serão apresentados à imprensa na quarta-feira (13), no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). A ação será conduzida pelo delegado Odair Carneiro (DHM), integrante da Força-Tarefa que investiga crimes contra policiais.

 

O investigador Luiz Santos, 59 anos, foi morto durante uma tentativa de assalto, ocorrida na Rua Lima e Silva. Conforme a polícia, a vítima estava com a mulher e um casal de amigos e foi baleada quando entrava no próprio veículo, após bandidos se aproximarem para roubá-la. A polícia informou que os suspeitos teriam descoberto que ele era policial e teriam visto a arma de Luiz. O investigador não reagiu, mas, mesmo assim, os assaltantes atiraram.


A vítima chegou a ser socorrida e levada para o Hospital Ernesto Simões, no bairro do Pau Miúdo, mas não resistiu aos ferimentos. O enterro foi no cemitério da Ordem Terceira de São Francisco, em Salvador. Luiz integrava a Delegacia de Repressão a Estelionato e Outras Fraudes (Dreof).


Categorias

Salvador




Classificados


Enquete



Mais Lidas