Notícias

Multidão acompanha enterro de PM baleado em estacionamento de shopping em Salvador

Uma multidão acompanhou o enterro do subtenetente da Polícia Militar da Bahia Fabiano Fortuna e Silva, que foi baleado no estacionamento do Shopping Paralela, em Salvador, na quinta-feira (28). Familiares, amigos e colegas de profissão participaram da cerimônia, ocorrida na tarde desta sexta-feira (29), no cemitério Bosque da Paz, na capital.

 

O prefeito ACM Neto também esteve na despedida. A cerimônia de despedida ocorreu sob forte comoção. "Para nós, colegas, o sentimento é de perda de um familiar, é como se tivesse perdido um parente. Ainda mais da forma que foi, sem ter uma chance de defesa'', disse um PM que acompanhou o sepultamento.

 

O enterro foi realizado com honras militares. Já quase no final da cerimônia, em meio a multidão, ouviu um grito com pedido de justiça. "A resposta tem que ser dada", disse uma pessoa não identificada. O subtenente Fortuna, 40 anos, morreu no Hospital Roberto Santos após ser baleado no estacionamento do shopping. Informações iniciais da polícia dão conta que ele foi alvejado após reagir a uma abordagem de dois criminosos que estavam em uma mota.

 

O PM também estava de moto e deixa o centro de compras quando foi baleado. Uma arma que estava com ele foi levada pelos bandidos. Até agora ninguém foi preso. Fortuna é 17º policial militar assassinado este ano, na Bahia. O policial tinha 19 anos a serviço da corporação. Fabiano era lotado na 9ª Companhia Independente de Polícia MIlitar (9ª CIPM).


A Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) ainda não divulgou detalhes das investigações do crime, que estão à cargo da Força tarefa do órgão que investiga morte de policiais na Bahia. No entanto, a SSP antecipou que nenhuma hipótese está descartada. Uma delas é a de que o PM sofreu uma tentativa de assalto. Imagens de câmeras de segurança do shopping já foram entregues à polícia.


O prefeito de Salvador, ACM Neto lamentou, em nota divulgada à imprensa, a morte do subtenente. "O policial Fortuna, que trabalhou durante muito tempo na Prefeitura e dedicou sua vida à segurança pública, infelizmente, foi vítima da violência, da insegurança e do crescimento desenfreado do crime em nossa cidade ", disse o prefeito durante a inauguração de uma praça em Mussurunga.


"Aos familiares e amigos do subtenente Fortuna e aos policiais militares, a minha solidariedade, a solidariedade de todos que trabalham na Prefeitura. Que Deus dê força e conforto a todos neste momento". Ano passado, Fabiano participou de um curso de proteção de autoridades e posou ao lado do prefeito de Salvador, ACM Neto.


Ano passado, Fabiano participou de um curso de proteção de autoridades e posou ao lado do prefeito de Salvador, ACM Neto. Em nota divulgada ainda na quinta-feira, a PM lamentou a morte do policial. Equipes da Superintendência de Inteligência da SSP e do Departamento de Inteligência Policial da Polícia Civil também prestam apoio às investigações.

 

“Lamentamos profundamente a perda de um dos nossos colegas e garantimos que todos os esforços estão sendo tomados para prender os autores deste ato covarde”, afirmou o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa.

 

Em nota, o Shopping Paralela informou que a equipe de brigadistas do centro de compras prestou os primeiros socorros ao policial, que foi encaminhado para os devidos cuidados médicos no Hospital Roberto Santos. Ainda em nota, o shopping diz que está à disposição das autoridades para ajudar no que for necessário para as investigações. G1


Categorias

Violência




Classificados


Enquete



Mais Lidas