Notícias

Funcionários dos Correios da Bahia encerram greve que durava 17 dias

Os funcionários dos Correios da Bahia decidiram em assembleia realizada na tarde desta sexta-feira (6), em Salvador, encerrar a greve que já durava 17 dias. A informação foi passada pelo Sindicato dos Trabalhadores da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos da Bahia. Com o fim da greve, o serviço será retomado na segunda-feira (9), segundo a entidade.

 

De acordo com o sindicato, a categoria aceitou a proposta oferecida pelo Tribunal Superior do Trabalho na última quarta (4) e decidiu voltar a trabalhar. Entre as propostas sugeridas pelo TST, conforme o sindicato, estão o reajuste de 2,07% (INPC) nos salários e benefícios, retroativo ao mês de agosto deste ano e a reedição de todas as cláusulas sociais.

 

Além disso, foi definida também a compensação de 64 horas equivalente a 8 dias, sendo 6 horas de compensação aos sábados, para quem trabalha de segunda-feira à sexta-feira, e 4 horas de compensação de segunda-feira à sexta-feira e 2 horas aos sábados, para os empregados que trabalham aos sábados. Os Correios enfrentam uma severa crise econômica e avalia medidas para reduzir gastos e melhorar a lucratividade da estatal.

 

Nos últimos dois anos, os Correios apresentaram prejuízos que somam, aproximadamente, R$ 4 bilhões. Desse total, 65% correspondem a despesas de pessoal. Em 2016, os Correios anunciaram um Programa de Demissão Incentivada (PDI) e pretendia atingir a meta de 8 mil servidores, mas apenas 5,5 mil aderiram ao programa.


Os Correios planejam também fechar cerca de 200 agências neste ano, além de uma série de medidas de redução de custos e de reestruturação da folha de pagamentos. Segundo os Correios, o fechamento dessas agências acontecerá sobretudo nos grandes centros urbanos.


Categorias

Emprego




Classificados


Enquete



Mais Lidas