Notícias

Salvador: Centrais sindicais planejam protesto no Comércio ainda nesta sexta

Os representantes de centrais sindicais que protestam na manhã desta sexta-feira (10) na saída do Dique do Tororó, em protesto contra a reforma trabalhista, seguirão mais tarde para o Campo Grande, onde está marcada nova mobilização às 11h, mas também devem estender o ato até o Comércio. “Daqui a algumas horas estaremos no Campo Grande em uma manifestação, descendo para o Comércio para fazer manifestação na Justiça do Trabalho, no TRT, e no prédio da Previdência Social”, explicou Reginaldo Oliveira, diretor do núcleo baiano Central de Trabalhadores do Brasil (CTB), sem determinar o horário em que os participantes deixarão o entorno do Dique para seguir ao Campo Grande.

“Nós estamos aqui nesse movimento nacional, que tem por obrigação reduzir as reformas trabalhistas que entram em vigor a partir de amanhã. Por isso o processo todo terá a partir de hoje resistência dos trabalhadores, porque ela não atende aos interesses da sociedade brasileira”, justifica, acrescentando que novos protestos podem voltar a acontecer. “Isso [manifestações] vão acontecer constantemente. Hoje é muito importante, mas amanhã, depois de amanhã, constantemente, temos que estar falando sobre o que está acontecendo, pelo que o Congresso do governo Temer está fazendo com os trabalhadores e com a nação brasileira. Eu acho que a reforma trabalhista tem um visual na cabeça de toda a população, mas por trás da reforma tem também a entrega das estatais; a privatização, praticamente, do petróleo brasileiro, entregue ao capital internacional”, cita.


Categorias

Notícias




Classificados


Enquete



Mais Lidas