Notícias

Jornalista é assassinada dentro de prédio comercial na Avenida Trancredo Neves

A mulher que foi encontrada morta dentro de um prédio comercial, na manhã desta terça-feira (14), em Salvador, foi assassinada. De acordo com a polícia, o corpo da vítima, identificada como Daniela Bispo dos Santos, de 38 anos, tinha marcas de espancamento e perfurações causadas por uma faca.


A polícia suspeita que um homem que foi filmado pelas câmeras de segurança do prédio, na noite desta última segunda-feira (13), tenha sido o autor do crime. Conforme a polícia, a família da vítima reconheceu o suspeito nas imagens e disse que a mulher tinha um relacionamento com ele segundo o G1.

 

O homem, que não teve a identidade revelada, é procurado pela polícia. Daniela Bispo era formada em jornalismo, mas trabalhava em uma empresa de call center que funciona no prédio. Segundo informações de colegas de trabalho da vítima, ela começou o expediente às 14h da segunda-feira e deveria ter saído às 20h. No entanto, às 19h pediu um intervalo e não retornou mais. Familiares e amigos de Daniela chegaram a fazer buscas pela vítima.

 

O corpo dela foi encontrado na manhã desta terça-feira no quinto andar do prédio, localizado na Avenida Tancredo Neves. Ela trabalhava no primeiro andar. O corpo da vítima foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Salvador, onde será periciado. Daniela deixa dois filhos.


O Sindicato dos Jornalistas dos Profissionais no Estado da Bahia (Sinjorba) emitiu nota de pesar e informou que pretende acompanhar e divulgar as investigações para prisão e julgamento do autor do crime.


Categorias

Salvador




Classificados


Enquete



Mais Lidas