Notícias

19,7% das mulheres de Salvador já sofreram violência doméstica física

De acordo com levantamento divulgado nesta quinta-feira (23), pela Organização das Nações Unidas (ONU), 19,7% das mulheres de Salvador já sofreram violência doméstica física, o que coloca a cidade na primeira colocação do ranking no Nordeste. Este número equivale a mais de 281 mil mulheres agredidas.

 

De acordo com o levantamento, que contou com a colaboração da Universidade Federal do Ceará (UFC), nos últimos 12 meses, cerca de 11% das mulheres nordestinas foram vítimas de violência psicológica, enquanto 5% sofreram agressões físicas e 2% violência sexual no contexto doméstico e familiar.

 

Além disso, em média, 17,2% das mulheres que vivem em alguma das capitais nordestinas sofreram violência física em pelo menos um momento da vida. Os dados indicam ainda que as crianças que vivem em lares violentos também acabam sendo expostas a agressões, neste item, Salvador ocupa a 7ª colocação. A pesquisa aponta um dado preocupante sobre a "espiral da violência", que leva em conta a manutenção da prática de agressão através das gerações.

 

"Quatro a cada 10 mulheres que cresceram em um lar violento sofreram o mesmo tipo de violência na vida adulta. Ou seja, há uma repetição de padrão em seu próprio lar", diz o estudo.


Categorias

Violência




Classificados


Enquete



Mais Lidas