Notícias

Sinart se responsabiliza por ponte que desabou em Madre de Deus: 'Foi uma falha nossa'

A Sociedade Nacional de Apoio Rodoviário e Turístico assumiu nesta segunda-feira (15) responsabilidade sobre o desabamento da ponte no domingo (14) em Madre de Deus. "A Sinart é a responsável. O supervisor estava lá em cima, no píer. As pessoas foram se acumulando e ali ficaram", declarou o superintendente da Sinart, João Maurício Paraíso.

 

A Sinart informou que os passageiros não deveriam ficar parados no local. "Foi uma falha nossa [Sinart]” disse o superintendente, declarando ainda que 57 pessoas estavam em cima da rampa. Embora ele não saiba dizer o peso máximo que o equipamento suportava, ele garantiu que todas as 57 pessoas caberiam confortavelmente no flutuante.

 

“Não tinha nada no flutuante, estava vazio. Tinha pouquíssimas pessoas. Faltou orientação e não sei porque motivo as pessoas se acumularam ali”. As vítimas que caíram no mar foram atendidas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), pelo Corpo de Bombeiros, por técnicos da operadora e por donos das embarcações. A prefeitura de Madre de Deus e a Sinart afirmaram que ninguém se feriu segundo o Correio.


Categorias

Acidente




Classificados


Enquete



Mais Lidas