Notícias

Levantamento: Mais de 4,4 mil mulheres foram mortas no Brasil em 2017

Passou de 4,4 mil o número de mulheres mortas no Brasil no ano passado. Um levantamento considerando dados oficiais das 27 unidades federativos, indica que 4.473 mulheres foram alvo de homicídio doloso, quando há intenção de matar. Do total, 946 casos se referem a feminicídio, quando as mulheres são mortas por sua condição de gênero.

 

Houve aumento de 6,5% nos crimes em comparação a 2016, quando foram registrados 4.201 homicídios, dos quais 812 feminicídios. A estatística pode aumentar, porque alguns estados ainda não fecharam os dados de 2017. O Rio Grande do Norte lidera o índice de homicídios contra mulheres, com uma média de 8,4 a cada 100 mil mulheres.

 

Já o Mato Grosso é o estado com maior taxa de feminicídio: 4,6 a cada 100 mil. Na Bahia, a Ouvidoria diz que não há estatísticas de feminicídio referentes a 2015 e 2016. Os dados mostram uma lenta evolução dos registros de feminicídios no país. No ano de 2015, em que a lei foi sancionada, 16 estados registraram 492 casos. As outras unidades da federação não forneceram registros. Um ano depois, em 2016, 20 estados tiveram 812 crimes.


Categorias

Violência




Classificados


Enquete



Mais Lidas