Notícias

Michel Temer diz que Henrique Meirelles é mais candidato a presidente que ele

O presidente Temer (PMDB) comentou que a chance de o ex-ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, ser o candidato do partido à presidência da república é maior que a sua. “Não sei ainda se serei candidato. Vou esperar o mês de julho. Mas tem o Meirelles. O Meirelles é mais candidato do que eu”, teria afirmado Temer ao blog do jornalista Gerson Camarotti.

 

O atual presidente, que segue alvo de investigações da Justiça, teria minimizado ainda uma eventual resistência de dirigentes do partido ao nome de Meirelles. Segundo avaliação de Temer, isso pode ser superado. “Se o partido verificar que Meirelles tem chance, pode apoiar a candidatura dele. Não é improvável”, comentou.

 

De acordo com informações do blog, líderes regionais do PMDB estariam defendendo que o partido não deve ter um candidato ao Palácio do Planalto nas eleições de outubro deste ano, objetivando dar liberdade a alianças estaduais. Temer, porém, acenou com uma crença contrária às informações do blog, dizendo que acredita que o PMDB mude de ideia e resolva sim apontar um nome para concorrer nas eleições presidenciais deste ano.

 

“Vai acabar tendo candidato”, disse o presidente. Ao blog, Temer relatou ainda as rodadas de conversas com os 27 presidentes estaduais do PMDB, contando que “alguns” não querem que a legenda tenha candidato, pois os diretórios estaduais teriam interesses diversos, desde alianças com o PT de Lula ao PSDB de Alckmin, os dois pré-candidatos à presidência.

 

Pesa ainda contra Temer, conforme o blog, seu histórico índice de rejeição para um presidente da república, com impressionantes 70% em pesquisa do Datafolha avaliando o governo Temer como “ruim/péssimo”. “Quem vai querer subir no palanque do Michel [Temer]? Com essa rejeição histórica, ele afunda qualquer projeto regional do partido”, teria dito um “cacique” do PMDB ao jornalista.

 

Exonerado do Ministério da Fazenda em abril para cumprir com a desincompatibilização que o permitiria concorrer nas eleições, Henrique Meirelles anunciou a troca do PSD pelo PMDB em 3 abril. A definição sobre uma candidatura ou não do PMDB, contudo, só acontecerá em julho. Clique Diário


Categorias

Eleições 2018




Classificados


Enquete



Mais Lidas