Notícias

Donos de Postos deixam reserva de combustível apenas para serviços de emergência; Assista!

Quem abasteceu não abastece mais. Um giro feito na tarde desta quinta-feira (24), pela equipe do Portal Infosaj/TV Recôncavo em Santo Antônio de Jesus, observou que os motoristas da cidade estavam em uma grande corrida aos postos em busca de encher os tanques antes que os estoques de combustíveis acabassem. Só que com o passar do tempo, isso aconteceu. Essa condição já era esperada por muitos. A situação de escassez ocorre em consequência do protesto de caminhoneiros em todo o país, que estão fechando estradas em manifestação contra a alta no preço do diesel. Nossa reportagem foi em diversos postos de combustível da cidade, e a situação é a mesma. Falta gasolina, álcool e diesel. Mais uma boa notícia foi dada pelos donos dos postos. Em caso de emergência, uma certa quantidade foi estocada para viaturas da Polícia Militar, Civil, Corpo de Bombeiros, Samu e ambulâncias. Esses serviços de emergência e urgência são importantes e não podem parar, já que se trata de saúde e segurança pública.

Uma parte também foi separada para os veículos que fazem a limpeza da cidade. Dois empresários do ramo de combustível na cidade foram ouvidos pela nossa equipe. Eles explicaram falaram sobre a falta de combustível nos postos e falaram da sua solidariedade com o protesto dos caminhoneiros e ainda fizeram críticas a alta do diesel. “Estamos em uma situação crítica em todas as regiões. Eu tenho notícias de outras cidades vizinhas que não tem mais combustível em lugar nenhum. Aqui no posto reservamos uma cota para Polícia Militar. Pensamos nisso porque se trata de serviços primordiais que não podem faltar. É uma quantidade que dá para atender o essencial. O governo tem que resolver isso o mais rápido o possível. Esse é um movimento válido e os caminhoneiros tinha que tomar uma postura”, disse o empresário Rodrigo Machado dos Postos Uirapuru.

VEJA A ENTREVISTA SOBRE A FALTA DE COMBUSTÍVEL  NA CIDADE

“Nós não temos previsão de quando vai restabelecer o abastecimento de combustível aqui no Brasil. Eu acho que mesmo com um restabelecimento vai demorar um certo tempo para a logística voltar a funcionar. Aqui no posto deixamos uma reserva técnica para atender os nossos clientes. Não podemos liberar o combustível para qualquer pessoa já que tem as grandes necessidades a exemplo das clínicas da cidade. Os caminhoneiros estão corretos. Hoje estamos vendo que a força do Brasil está nas mãos dos caminhoneiros e todos nós temos que apoiar”, disse o administrador do Posto Cruzeiro do Sul, Antônio Galvão. Em boa parte da BR-101, que passa por Santo Antônio de Jesus, uma longa fila se forma pelo acostamento da rodovia onde os caminhoneiros estão parados em protestos. Empresários da cidade tem apoiado a causa dos caminhoneiros enviando alimentos como pão, biscoitos, sucos, refrigerante e almoço.


Categorias

Santo Antônio de Jesus




Classificados


Enquete



Mais Lidas