Notícias

Assista! Rui Costa inaugura Policlínica Regional em Santo Antônio de Jesus

A sétima Policlínica Regional de Saúde construída pelo Governo na Bahia foi inaugurada nesta sexta-feira (15), em Santo Antônio de Jesus. O equipamento, entregue nesta manhã pelo governador Rui Costa, vai atender os 28 municípios que integram o Consórcio Público Interfederativo de Saúde da Região de Santo Antônio de Jesus, alcançando mais de 600 mil baianos com oferta de diversos serviços em 18 especialidades de saúde. A unidade contou com investimento de R$ 24,7 milhões, utilizados na realização de obras civis e compra de equipamentos.

O descerramento da placa ocorreu após visita guiada às instalações da policlínica, quando o governador apresentou a unidade aos profissionais de imprensa e autoridades convidadas. A inauguração desta sexta-feira consolida a proposta do Governo de regionalizar a prestação de serviço de alta qualidade em saúde, com garantia de cobertura para a realização de exames gratuitos solicitados pelo Sistema Único de Saúde (SUS) no interior baiano. A Policlínica de Santo Antônio funcionará como as demais unidades do tipo, na Bahia, em que o atendimento ocorre por regulação para consultas médicas, exames diagnósticos e tratamentos terapêuticos. 

VEJA COMO FOI A INAUGURAÇÃO DA POLICLÍNICA REGIONAL DE SAÚDE 

Cada município integrante do consórcio terá um número determinado de atendimentos que poderá ser realizado por mês. O número será determinado levando em consideração a quantidade de habitantes de cada local. O transporte dos pacientes de outros municípios será feito em 14 microônibus, que vão realizar o deslocamento de forma gratuita. O conforto dos usuários também foi pensado, e cada veículo conta com ar-condicionado, Wi-Fi e assentos especiais para cadeirantes. A expectativa é de que 600 pessoas sejam atendidas diariamente na Policlínica. A manutenção mensal da Policlínica fica sob responsabilidade do Estado, que cobre 40% dos gastos e os 60% restantes serão divididos entre os municípios consorciados.

"O objetivo do Governo é fortalecer a atenção básica no estado e garantir oportunidades de diagnósticos precoces, porque acreditamos que a melhor política pública de saúde é a da prevenção. Por isso, agradeço aos prefeitos envolvidos nesta parceria. Sem a regionalização que estamos fazendo da saúde, essas prefeituras não teriam condições, sozinhas, de construir e manter um equipamento como este. Posso afirmar que não existe uma policlínica na Bahia, nem mesmo particular, com esta estrutura, qualidade, tamanho e número de especialidades, que as policlínicas regionais oferecem à população desses municípios", declarou o governador.


Categorias

Recôncavo




Classificados


Enquete



Mais Lidas