O prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), criticou nesta sexta-feira (19), durante coletiva, o economista Abraham Weintraub e comemorou sua saída do comando do Ministério da Educação. “O ministro saiu e já foi tarde. Para mim, Weintraub foi um dos piores ministros da Educação da história do Brasil. Não me lembro de ninguém tão ruim. Ainda bem que ele saiu”, afirmou o também presidente nacional do DEM. O gestor ainda lamentou o que ele chamou de “crise institucional” no governo, em meio a uma pandemia. “O Brasil, além de viver essa pandemia do coronavírus, vive essa crise institucional, a troca de ministros. Nós ainda temos na Saúde o Eduardo Pazuello como interino, por exemplo”, disse ele.