alba

O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), Adolfo Menezes (PSD), decidiu manter a restrição de acesso a jornalistas na “sala do cafezinho”, mesmo após os apelos dos setoristas da Casa. A medida foi reafirmada na sessão ordinária de terça-feira (27). O parlamentar, que retornou das férias nesta semana, afirmou que foram ampliadas as quantidades de cadeiras na galeria. “Não temos nada contra [a imprensa]. O que for servido aqui para os deputados, vai ser de igual modo servido para a lateral”, ressaltou o parlamentar, desconsiderando que os profissionais não desejam tratamento VIP, e sim o direito de poder exercer livremente as coberturas na Casa”. A “sala do cafezinho” sempre foi um espaço importante para que profissionais de impressa possam fazer apurações sobre os bastidores do legislativo. O BNews apurou que a medida foi tomada após o apelo de dois deputados, que estavam incomodados com a presença de jornalistas no espaço. BNews