ACM Neto (União Brasil) e Jerônimo Rodrigues (PT) voltam a ter seus programas eleitorais apresentados no rádio e na TV nesta sexta-feira (7), data em que recomeça a propaganda eleitoral obrigatória. Na Bahia, as inserções terão o total de 20 minutos, sendo 10 para a corrida local.

A coligação “Pra Mudar a Bahia”, liderada pelo ex-prefeito de Salvador ACM Neto, vai apostar em “comparar as trajetórias”, direcionamento já apontado como um dos principais trunfos da campanha na nova etapa. Vai ser uma grande oportunidade para os baianos comparar a história, o currículo, a trajetória e o preparo desses candidatos que agora vão para o segundo turno”, disse ACM Neto ao final da apuração. Em entrevista, o candidato do União Brasil chegou a citar a convocação que fez ao adversário para um debate entre os dois. Na tarde de ontem, o candidato realizou um encontro com lideranças e apoiadores de campanha no Centro de Convenções de Salvador.

Procurada pelo CORREIO, a equipe de Jerônimo não se manifestou sobre a retomada da programação. Desde a segunda-feira (3), o grupo petista tem trabalhado na busca de novos apoios e reforçado a vinculação da imagem do candidato à do presidenciável Lula, que também disputa o segundo turno.

Os candidatos que disputam o Executivo baiano terão 5 minutos cada, de segunda a sábado, das 7h10 às 7h20 e das 12h10 às 12h20 no rádio e das 13h10 às 13h20 e das 20h40 às 20h50 na TV para dialogar com os eleitores e apresentar suas propostas. As emissoras locais devem reservar outros 25 minutos da grade, de segunda a domingo, para a veiculação das inserções de 30 e 60 segundos ao longo da programação.

De acordo com o artigo 62 da Resolução nº 23.610/2019, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o candidato que obteve maior votação no primeiro turno é o primeiro a se apresentar, seguindo a alternância da ordem a cada programa ou inserção.

Presidenciáveis
Os outros 10 minutos de propaganda são reservados à disputa presidencial, na qual concorrem Lula (PT) e Jair Bolsonaro (PL). Novamente, o tempo é dividido igualmente – cinco minutos para cada candidato – a ser veiculado de segunda a sábado, das 7h às 7h10 e de 12h às 12h10 no rádio e 13h às 13h10 e das 20h30 às 20h40.

O horário reservado aos candidatos em disputa no segundo turno segue até o dia 28 de outubro, antevéspera do pleito, marcado para 30 de outubro. Correio da Bahia