Foto: Ricardo Stuckert

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) lidera as intenções de voto para presidente em 2022, com 41,3% enquanto o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) aparece com 26,6%. Os dados são da pesquisa da Confederação Nacional do Transporte (CNT) em parceria com o Instituto MDA, divulgada nesta segunda-feira (5).

Em um cenário estimulado, a pesquisa também constatou um empate entre Ciro Gomes (PDT) e o ex-ministro da Justiça e ex-juiz Sergio Moro, com 5,9% cada. Já o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), aparece com 2,1% das intenções de voto. Brancos e nulos somam 8,6%, os indecisos são 7,8%.

Os dados foram coletados entre os dias 1º e 3 de julho por meio de 2.002 entrevistas presenciais, em 137 municípios de 25 estados. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais, com 95% de nível de confiança.

Na análise espontânea para Presidência da República, Lula tem 27,8% e Bolsonaro, 21,6%. Ciro aparece com 1,7% das intenções de voto, enquanto Moro e Doria ficam com 0,7%. Brancos e nulos ficam em 7,1% e indecisos somam 38,9%.

GOVERNO BOLSONARO

O levantamento também avaliou a aprovação do governo Bolsonaro. Segundo a coleta, a desaprovação atingiu níveis recordes desde janeiro de 2019, quando fora iniciado o governo.  A desaprovação chegou a 63% dos entrevistados, contra aprovação de 34%. O maior índice até então em uma pesquisa MDA/CNT havia sido registrado em maio de 2020, com desaprovação de 55%. Em relação à última pesquisa, houve crescimento de 12% na desaprovação a Bolsonaro. Em fevereiro de 2021, o presidente era desaprovado por 51% dos entrevistados.