Foto: WPP/Folhapress

Autor de dois gols na vitória do Brasil por 3 a 0 sobre a Bolívia, na noite de sexta-feira (14), no Morumbi, pela estreia na Copa América, o meia Coutinho admitiu a dificuldade da partida, principalmente na primeira etapa, mas salientou que a evolução da equipe após o primeiro gol marcado.

“Foi um jogo bem difícil, como todo jogo de estreia é. Na hora que fizemos o gol, o time começou a jogar da maneira correta. O professor pediu um pouco mais de concentração e foi o ajuste para ganharmos o jogo”, disse Coutinho em entrevista à TV Globo.

Com um desempenho ruim na primeira etapa, a seleção foi para o intervalo debaixo de vaias. Sereno, Coutinho disse entender a reação da torcida, mas afirmou que os jogadores estavam concentrados dentro de campo.

“Faz parte [vaias]. A torcida quer que a gente ganhe e jogue bem, por isso a cobrança deles. Queremos sempre o apoio, mas dentro de campo a gente se blinda. Estamos focados para poder fazer bons jogos e classificar”, explicou.

O meia valorizou a vitória na estreia e já projetou o próximo compromisso da seleção, diante da Venezuela, terça (18), às 21h30, na Arena Fonte Nova.

“Era importante começar bem. Dá um primeiro passo com pé direito, e hoje a gente sai feliz. Já estamos pensando no próximo jogo, pois queremos ganhar e classificar”, avaliou. Com o resultado, o Brasil chega aos três pontos e assume a liderança do Grupo A.