agencia brasil

Ainda que remota a possibilidade de Jair Bolsonaro (PL) reverter a inelegibilidade, uma ala do PL coloca o ex-presidente como cotado para concorrer à Presidência em 2026, mas vê outro nome mais forte para rivalizar com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Conforme Bela Megale, em sua coluna no O Globo, integrantes do partido avaliam que o ex-ministro e governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas, seria o candidato ideal para enfrentar o petista.

Segundo a coluna, a leitura da cúpula do PL é que a rejeição de Bolsonaro é alta e já está cristalizada até as eleições de 2026, o que daria mais chances para a reeleição de Lula em uma eventual disputa. Neste sentido, o trunfo de Tarcísio seria uma menor rejeição.

Pesquisas contratadas pelo partido, inclusive, mostram que o governador de SP tem se aproximado do presidente nas intenções de voto. Conforme levantamentos da Paraná Pesquisas, a diferença entre Tarcísio e Lula caiu de 21 pontos, em janeiro, para cinco pontos, em maio.

As movimentações do ex-ministro, entretanto, já tem gerado rusgas com os filhos de Bolsonaro e parte do entorno do ex-presidente, que criticam os gestos de Tarcísio ao centro e sua aproximação com ministros do Supremo Tribunal Federal. Para os bolsonaristas, tal comportamento atrela ao governador de SP a imagem de direita mais moderada, enquanto acentua o radicalismo de Jair Bolsonaro.