Foto: Divulgação / Governo da Bahia

A Defesa Civil de Ilhéus, no sul da Bahia, emitiu alerta de chuvas fortes até a próxima quinta (21). A “princesa do sul” foi uma das cidades que enfrentou temporais com mortes e desabrigados em dezembro de 2021 e 2022, e que decretou situação de emergência em abril deste ano. Segundo o comunicado, o acumulado de precipitações nesse período pode atingir 91 milímetros, número inferior aos dois anos interiores, mas ainda bastante elevado, pois especialistas consideram chuva forte a partir 30 milímetros.

Por causa do alerta, a prefeitura municipal orientou que moradores evitem áreas de risco e observem desagregação de solos em encostas, sinais sonoros, fissuras e rachaduras em imóveis. A Defesa Civil informou que existe risco de deslizamentos de terra e alagamentos em vários pontos da cidade. O órgão atua por meio de sistema de monitoramento e trabalho preventivo, com vistorias, instalação de proteção provisória de barrancos com lonas, entre outras ações, e pode ser acionado através do telefone (73) 97400-7521.

Em abril desse ano, Ilhéus teve situação de emergência decretada, assim como outros cinco municípios, por causa de temporais. Na época, pelo menos 27 cidades foram atingidas por fortes chuvas, que deixaram 9.261 pessoas desalojadas, 74 desabrigadas e 9.348 afetadas. Na ocasião, houve alagamentos, deslizamentos de terra e desabamentos de imóveis, além de três mortes: de um casal de turistas mineiros e de um pescador, que era tio de Carla Perez. G1