A eleição em Santo Antônio de Jesus no recôncavo baiano está bastante disputada, com três pré-candidatos a prefeito se apresentando. O primeiro é Euvaldo de Almeida Rosa, pelo PSD, que conta com o apoio do deputado Rogério Andrade (MDB). Euvaldo se apresenta como candidato do governador da Bahia Jerônimo Rodrigues e dos partidos da base do governo em SAJ. Rosa conta também com o apoio do presidente Lula, dos senadores Otto Alencar, Jacques Wagner e do chefe da Casa Civil do presidente Lula o ex-governador Rui Costa, entre outros. Euvaldo foi prefeito por duas vezes, deixou a gestão bem avaliado e ganhou o Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor.

O segundo candidato é o atual prefeito Genival Deolino (PSDB), que está buscando a reeleição. Genival conta com apoio do deputado estadual Alan Sanches, deputado federal Adolfo Viana, do vice-presidente do partido União Brasil ACM Neto e com a maioria dos empresários de SAJ. Ainda conta com a “maquina na mão” e implementou um ritmo acelerado na realização de várias obras importante para o município.

O terceiro candidato é o ex-prefeito Humberto Soares Leite (PP), que foi criticado de velho, ultrapassado entre outros adjetivos nas eleições 2020, por algumas pessoas, que convenceram Humberto e o grupo Beija flor a apoiar o candidato Genival, e indicaram Careca para vice. O grupo ainda foi agraciado com duas secretarias: Agricultura e Ação Social e emplacou Chico de Dega como presidente da câmara.

Muitos se perguntam! Humberto vai até o fim com a sua candidatura a prefeito? ou está sendo usado mais uma vez por esses que o criticaram no passado para obter vantagens agora no presente? Cuidado Humberto com o “Centrão” de Santo Antônio de Jesus! com eles o saco nunca enche. É interessante ver como a política pode mudar ao longo do tempo, com as alianças e opiniões se alterando. Resta aguardar para ver como será a eleição em Santo Antônio de Jesus e qual candidato o povo irá escolher. Por Gildásio Cavalcante