Foto: Divulgação Bahia

Perto de completar 40 dias no Bahia, o meia Everton Ribeiro já se tornou o principal jogador do time e tem aproveitado bem os minutos “controlados” dados pelo técnico Rogério Ceni. No último fim de semana, mesmo com a derrota para o River-PI por 1 a 0, o meia se destacou e ficou em campo durante 90 minutos pela primeira vez no Tricolor.

Tudo isso após não sair do banco de reservas na goleada por 5 a 0 sobre o Itabuna. Everton Ribeiro é quem menos jogou no quarteto de meio-campistas que tem empolgado o torcedor do Bahia. Cauly, o veterano do grupo, lidera os minutos nesta temporada. Veja a contagem abaixo:

  • Cauly: 392 minutos
  • Caio Alexandre: 357 minutos
  • Jean Lucas: 350 minutos
  • Everton Ribeiro: 319 minutos

A cada jogo como titular, Everton Ribeiro ganhou mais tempo em campo. Na estreia contra o Jacobina foram 63 minutos, contagem que cresceu contra o Barcelona e contra o Sport. A primeira partida completa veio na quinta atuação com a camisa do Bahia, diante do River-PI.

Os minutos de Everton Ribeiro no Bahia:

  • Bahia 5 x 0 Jacobina: 63 minutos
  • Bahia de Feira 0 x 2 Bahia: 19 minutos
  • Bahia 2 x 0 Barcelona de Ilhéus: 68 minutos
  • Bahia 2 x 1 Sport: 79 minutos
  • River 1 x 0 Bahia: 90 minutos

Mesmo com menos minutos que os companheiros de time, Everton Ribeiro tem a mesma participação direta em gols que os outros outros meio-campistas. Entre gols e assistências, cada um do quarteto participou de duas bolas na rede. Veja abaixo a lista de participações em gol:

  • Everton Ribeiro: dois gols
  • Jean Lucas: dois gols
  • Cauly: um gol e uma assistência
  • Caio Alexandre: duas assistências

Apesar de ainda não ter dado assistências pelo Bahia, o camisa dez tem servido bem os companheiros. Ele é o segundo jogador com mais passes para finalizações no quarto de meio-campistas do Tricolor, segundo o site Footstats.net. Veja a lista abaixo:

  1. Cauly: 16 passes para finalização
  2. Everton Ribeiro: 13 passes para finalização
  3. Caio Alexandre: 3 passes para finalização
  4. Jean Lucas: 3 passes para finalização

Os números vão ser atualizados nesta quinta-feira, quando o Bahia recebe o América-RN pela terceira rodada da Copa do Nordeste. E com a proximidade do Ba-Vi, marcado para domingo, a tendência é que Everton Ribeiro siga com os minutos controlados por Rogério Ceni para chegar com força máxima no primeiro clássico de 2024. Globoesporte