Crédito: VICTOR FERREIRA / ECV

Titular contra o Ceará em jogo disputado na noite deste domingo (13), o meia Giovanni Augusto precisou deixar o gramado no final do primeiro tempo, quando o Vitória já havia construído o placar final de 1×0.

O jogador levou uma pancada e fraturou a costela. Ele deixou o Barradão em ambulância e foi levado a um hospital de Salvador, onde está internado. O médico Marcelo Côrtes, que estava de plantão durante a partida, explicou que o jogador precisará passar por um procedimento.

“Giovanni Augusto teve uma fratura da costela do lado direito do tórax e essa fratura gerou um escape de ar, uma coisa que a gente chama de pneumotórax. Esse escape de ar é sério, ele precisou ser internado em unidade fechada para que ele pudesse ficar em observação e promover a drenagem do tórax para que possa ser tratado o escape de ar”, afirmou.

Em entrevista coletiva concedida após o jogo, o técnico Léo Condé falou sobre a lesão de Giovanni Augusto. “Pelo que o médico falou, ele teve uma fratura, não sabemos 100% o que é e esperamos ter ele o quanto antes”, disse o comandante rubro-negro. Wellington Nem foi chamado por ele no intervalo do para substituir o camisa 10.

Com 44 pontos, o Vitória é o vice-líder da Série B, atrás apenas do Sport, que tem 45. O rubro-negro baiano volta a entrar em campo na sexta-feira (18), às 19h, novamente no Barradão, contra o Botafogo-SP. Correio da Bahia