instagram

Michelle Bolsonaro vai abrir o ato convocado por Jair Bolsonaro para este fim de semana em São Paulo. Segundo a coluna de Lauro Jardim, do jornal O Globo, ela não vai discursar. Está previsto que, logo após a execução do Hino Nacional, a ex-primeira-dama faça uma oração no alto do carro de som. Já foi definido quem discursará: pela ordem, os deputados Gustavo Gayer, Nikolas Ferreira e Coronel Zucco; os senadores Magno Malta, Flávio Bolsonaro e Rogério Marinho; Tarcísio de Freitas, Silas Malafaia e, Jair Bolsonaro. Todos farão discursos de cerca de três minutos. Exceto Bolsonaro, cuja fala deve ser de 30 minutos, dividida desta forma: uma parte para falar do seu governo, outra sobre “as perseguições que tem sofrido do Judiciário” e outra sobre o “futuro do Brasil”.