Crédito: Cleia Viana/Câmara dos Deputados

Pouco tempo depois de o presidente Jair Bolsonaro fazer duras críticas ao ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta, Rosângela Moro publicou foto no Instagram em apoio ao ministro na condução da crise causada pela covid-19. Depois, a mulher do ministro Sergio Moro (Justiça e Segurança Pública) apagou a publicação.

“Entre ciência e achismos eu fico com a ciência. Se você chega doente em 1 médico, se tem uma doença rara você não quer ouvir um técnico? Henrique Mandetta tem sido o médico de todos nós e minhas saudações são para ele. In Mandetta I trust”, escreveu ao publicar uma foto do ministro.

Na quinta-feira (2), em entrevista à Jovem Pan, o presidente Jair Bolsonaro afirmou que falta humildade a Mandetta, e que ambos já estão “se bicando há algum tempo”. Para o presidente, o ministro tem extrapolado em seus discursos. No entanto, afirmou que não pretende demiti-lo “no meio da guerra”.

“O Mandetta já sabe que a gente está se bicando há algum tempo. Eu não pretendo demití-lo no meio da guerra. Não pretendo. Agora, ele é uma pessoa que em algum momento extrapolou. Ele sabe que tem uma hierarquia entre nós. Eu sempre respeitei todos os ministros. O Mandetta também porque ele montou o ministério de acordo com a sua vontade. A gente espera que ele dê conta do recado agora. Agora eu tenho falado com ele e ele está meio que em uma situação, no meio do combate, não tem problema”, disse.