O novo crédito do Bolsa Presença ficou disponível neste sábado (15) para todas as famílias dos estudantes da rede estadual de ensino da Bahia beneficiadas pelo programa.

Além desta parcela, referente ao mês de março, as famílias dos alunos novos, matriculados em 2023 e que só agora receberam o cartão, também recebem o crédito retroativo ao mês de fevereiro, que foi depositado para os alunos antigos no dia 15 de março.

A ação representa, somente neste mês de abril, um investimento de R$ 55.790.150 milhões de transferência de renda destinada a essas famílias cadastradas no CadÚnico e que se encontram em situação de vulnerabilidade social.

Para este ano, foram destinados R$ 700 milhões de recursos próprios do executivo estadual para o Bolsa Presença. A previsão é que o programa atenda cerca de 421 mil famílias de 528 mil estudantes da rede.

Cada família recebe R$ 150, por mês, acrescido de R$ 50 a partir do segundo filho matriculado e com frequência regular nas escolas estaduais.

Consulta

A Secretaria da Educação do Estado da Bahia (SEC) disponibilizou um link para a consulta sobre o direito ao Programa Bolsa Presença. A busca pode ser feita através do sistema SIADIANTE, da SEC.

Quem não tem acesso à internet poderá ligar para a escola e solicitar a consulta no sistema.

  • A concessão do benefício está vinculada à assiduidade nas aulas ministradas pela unidade escolar em que o aluno está matriculado;
  • ao cumprimento das atividades letivas;
  • à participação da família na vida escolar do estudante;
  • à manutenção dos dados cadastrais atualizados na unidade escolar e de sua família no CadÚnico.