A Polícia Civil informou, nesta segunda-feira (8), que investiga a suspeita de latrocínio contra o motorista do aplicativo Uber, morto a tiros no bairro de Ilha Amarela, no subúrbio de Salvador. O caso será investigado pela delegacia de furtos e roubos. O rapaz foi enterrado na manhã desta segunda no Cemitério Jardim da Saudade.

 

O crime ocorreu na noite deste último sábado (06), quando José Henrique Pereira Alves, de 24 anos, transportava as duas mulheres. Elas disseram à polícia que o motorista teve dificuldade para encontrar o local de destino delas e, ao passar por uma rua, foi abordado por um homem armado segundo informações do G1.

 

Após ver o homem com a arma, José Henrique arrastou o carro e foi baleado. A polícia informou ainda que o celular de José Henrique não foi encontrado com a vítima. As passageiras não foram baleadas. José Henrique era da cidade de Senhor do Bonfim, no norte da Bahia e, conforme disse uma prima dele, há 4 meses ele estava atuando como motorista do Uber na capital baiana. No dia do crime, Henrique estava trabalhando com um carro alugado.