Foto: Reprodução/TV Bahia

Um segundo suspeito de envolvimento na morte do homem encontrado dentro de um isopor no Porto da Barra, um dos principais pontos turísticos de Salvador, foi preso nesta última terça-feira (26), no bairro de Itapuã, também na capital baiana. Segundo a Polícia Civil, o mandado de prisão preventiva contra o suspeito de 28 anos, que não teve a identidade divulgada, foi cumprido por agentes da 1ª Delegacia de Homicídios (DH/Atlântico).

No dia 31 de julho, um dia depois do crime, um primeiro suspeito de envolvimento foi preso. De acordo com a delegada responsável pelas investigações, Zaira Pimentel, o suspeito, preso nesta terça-feira, estaria na casa onde ocorreu o homicídio. “Sabemos que a motivação do homicídio está relacionada ao tráfico de drogas e os outros suspeitos estão sendo procurados”, disse a policial.

O corpo de Uziel Silva da Hora, de 39 anos, foi achado no dia 30 de julho, dentro de uma caixa de isopor que foi deixada entre lixeiras instaladas no calçadão da Barra. A vítima tinha passagens por furto, roubo e receptação. “Estamos realizando ações de inteligência e vamos chegar até os outros suspeitos”, disse a delegada. Uziel Silva da Hora era morador do bairro Calabar, e foi morto dentro de uma residência na Barra, bairro vizinho, e teve o corpo foi deixado no calçadão dentro da caixa de isopor. G1