O PT vai reunir sua bancada de deputados estaduais na próxima segunda-feira (26) para discutir a sucessão na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA). Após a candidatura de Rosemberg Pinto (PT) à presidência ser rifada pelo governador Rui Costa (PT) nesta sexta (23), Everaldo Anunciação – presidente do PT no estado – defendeu que o partido pode pleitear por mais espaço na nova mesa diretora da Casa.

 

“O PT tem atualmente um espaço inexistente na Assembleia Legislativa da Bahia. Não participamos da última chapa por entender que não era o momento, mas somos a única legenda que por quatro vezes consecutivas fez as maiores bancadas. É justo que o PT busque espaço, pela legitimidade que tem”, discursou o dirigente baiano segundo o Bahia Notícias.

 

Na pauta da reunião com os deputados estaduais na próxima segunda-feira, o Partido dos Trabalhadores, que atualmente preside a Comissão de Constituição e Justiça na Casa, pode colocar como condição para novos acordos com os candidatos à presidência, uma participação mais presente da sigla na próxima gestão. A bancada do partido tem 10 votos e pode engrossar qualquer candidatura das três que ainda estão apresentadas.

 

Enquanto Alex Lima (PSB) e Adolfo Menezes (PSD) ainda não anunciaram apoios, Nelson Leal (PP) já contaria 18 votos do PCdoB, PRP, PHS e PDT. Sobre a sucessão de Angelo Coronel (PSD) sem Rosemberg, a primeira reunião de Everaldo deve ser com o PP ainda no começo da próxima semana.

 

“Tivemos uma conversa inicial com João Leão sobre o assunto ainda no início, com o nome de Rosemberg posto”, contou. “Falei para ele que era legítimo o pleito do PP pela presidência”, comentou o presidente. “Eles querem retomar o assunto e devemos fazer isso depois da reunião da bancada do PT. Se não somos os candidatos, vamos dialogar com os nomes com muita tranquilidade”, completou Everaldo ao defender unidade e harmonia.