Foto: Ulisses Gama / Bahia Notícias

O atacante Rafael Ratão marcou seu primeiro gol com a camisa do Bahia na noite deste domingo (6). Ele ajudou o Tricolor a construir o placar de 3 a 1 sobre o América-MG, na Arena Fonte Nova, pela 18ª rodada do Brasileirão. No entanto, antes da confirmação do VAR, ele acreditava que estava impedido na jogada.

“Na hora que Cauly tocou a bola, eu estava de frente e chutei pensando que estivesse impedido. Eu tava vendo que tinha alguém atrás, então na minha cabeça eu estava impedido. Mas começou a passar no telão e todo mundo falando que tinha sido gol. Eu falei: “Pô, impossível, porque eu estava de frente e não tinha ninguém atrás”. Na hora que apareceu a linha fiquei muito contente por ter marcado o primeiro gol aqui. Espero que seja o primeiro de muitos”, disse em entrevista na zona mista.

Ratão balançou as redes aos 24 minutos do segundo tempo. Cauly entrou na área e tocou para o meio. O atacante dominou e chutou. A bola ainda quicou antes de entrar. No entanto, a arbitragem de campo invalidou o lance num primeiro momento, mas o gol foi confirmado após revisão do VAR.

O Bahia voltou a vencer após oito jogos de jejum. Com o resultado, o Tricolor deixou a zona de rebaixamento ao assumir o 16º lugar com 18 pontos, mesma pontuação do Santos, que entrou na degola ao cair para 17º, por causa do saldo de gols.

“O time estava merecendo isso. Acho que os nove jogadores que chegaram aqui deu um ambiente mais leve para o time. Vamos seguir trabalhando, buscar o resultado e tenham certeza que a partir de agora o Bahia é um novo time”, completou Ratão. O Esquadrão de Aço volta ao gramado no próximo domingo (13), às 11h, para enfrentar o Atlético-MG, no Mineirão, pela 19ª rodada. Bahia Notícias