O governador Rui Costa (PT) afirmou que o presidente Jair Bolsonaro (PL) tem dois pré-candidatos a governador na Bahia, se referindo ao ex-prefeito ACM Neto (UB) e o ex-ministro da Cidadania, João Roma (PL). “Um assume e outro é como o marido que trai a mulher”.

Em Ribeira do Pombal neste domingo (3), onde participou, ao lado do pré-candidato ao Palácio de Ondina, Jerônimo Rodrigues (PT), do PGP (Programa de Governo Participativo), Rui disse que passaria a participar intensamente da pré-campanha de Jerônimo a partir de agora.

Esse é o segundo PGP que Rui participa. Desde então, ele só havia ido ao evento na cidade de Itabuna. O senador Jaques Wagner (PT) e o presidente da Assembleia Legislativa, Adolfo Menezes (PSD), também marcaram presença, assim como Otto Alencar (PSD), pré-candidato à reeleição ao Senado, e Geraldo Júnior (MDB), o vice na chapa de Jerônimo.

“Quem vendeu a refinaria da Bahia? Com o apoio de quem? Quem apoiou e ajudou o bozo? Os dois pré-candidatos a governador são aliados dele na Bahia. Um tem coragem de dizer que é, o outro, é igual ao cara que tem amante e não tem coragem de sair na rua com ela. Ele quer enganar a mulher, não quer que a mulher saiba que ele tem uma amante. Por que digo isso? Porque pedir voto para Lula na Bahia já está qusae desnecessário, porque o povo da Bahia já decidiu votar no lula”, disse Rui. BNews