O ex-vereador de Santo Antônio de Jesus, Marcos Muniz, popular Chispita, encaminhou uma carta aberta ao governador Rui Costa para manter o tratamento de Marta Muniz, sua esposa, que está em coma após sofrer um aneurisma no final de julho deste ano. Chispita disse que Marta passou por procedimento cirúrgico e que seu estado ainda é considerado grave. O ex-vereador ainda revelou, que com a transferência, Marta não contará mais com os aparelhos da Unidade de Terapia Intensiva (UTI), e que todo o processo de melhora em seu estado de saúde poderá retroceder.

Confira a carta na íntegra:

CARTA ABERTA AO GOVERNADOR RUI GOSTA

Caro Senhor Governador!

Eu, Marcos Muniz ou Chispita como carinhosamente sou conhecido na minha cidade natal, Santo Antônio de Jesus, onde já desempenhei o cargo de vereador por 5 mandatos, estou passando por uma situação extremamente sofrida e delicada desde o dia 28 de julho de 2021 quando minha esposa Marta Oliveira Moreira Muniz, sofreu uma ANEURISMA CEREBRAL.

Marta foi encaminhada para o Hospital do Subúrbio no dia 29 de julho onde fora internada na UTI.

Marta precisou passar por um procedimento cirúrgico, onde o crânio foi aberto, ficando em estado grave sendo inclusive desenganada por alguns médicos.

Marta, para a glória do Senhor Jesus, reagiu… Hoje respira sem a ajuda dos aparelhos, porém a sua pressão arterial está oscilando muito o que significa um perigo nesse momento delicado.

Marta permanece em COMA, e infelizmente os médicos viabilizam a possibilidade de transferi-la para uma enfermaria no mesmo hospital que se encontra ( Hospital do Subúrbio).

Ao ser informado que minha esposa pode ser a qualquer momento transferida para a enfermaria, deixando assim de utilizar todos os aparatos mecânicos hospitalares que uma UTI possui, meu mundo caiu.

Sabemos que Marta, necessita permanecer na UTI, para que assim a sua recuperação seja algo mais seguro.

Não estou desmerecendo a enfermaria do hospital, Senhor Governador, longe de mim estar pensando algo assim, no momento em que suplico a Vossa Excelência, para que interfira para que Marta não seja removida da UTI. Apenas estou pedindo encarecidamente, que o senhor ajude a mãe de Andrezinho, nosso filho, a não ser removida para a enfermaria.

Sempre me orgulhei de ser um homem forte, guerreiro e amigo Porém confesso: Estou desesperado, fraco e sem chão…

Por favor leia com carinho o apelo de um homem emocionalmente destruído. Preciso da minha mulher de volta em casa… Preciso da minha guerreira, amiga e companheira, em nosso lar.

Sei que acima de tudo tenho a proteção Divina, porém aqui na terra, nesse exato momento, eu preciso do Senhor, meu Governador.

Por favor, interceda para que Marta permaneça na UTI do hospital. Isso é a única coisa que lhe imploro.

Ajude com que não só eu; não só a família Muniz e Moreira, mas principalmente, que nosso pequeno André, tenha uma boa notícia acalentando um pouquinho do seu coração tão sofrido.

Algo dentro da minha alma diz que o vosso coração bondoso irá interceder por nossa Marta. E que com a vossa decisão em interceder, ela permanecerá na UTI do hospital do Subúrbio.

Desde já agradeço, pois creio em Deus que vossa excelência irá atender a minha súplica.