A cidade de Santa Cruz Cabrália, no extremo-sul baiano, registrou em quatro dias mais de 450 milímetros (mm) de chuva – valor 2,75 vezes a média do mês de abril, que é de 165 mm, segundo o Cemaden. Por conta do grande volume de chuva desde a sexta-feira (21), a prefeitura decretou situação de emergência, assim como a prefeitura de Porto Seguro. Ainda em Santa Cruz, os bombeiros já resgataram mais de 160 pessoas em áreas alagadas, que correm risco de desabamento ou sofrem com qualquer outro tipo de risco relacionado à forte chuva.

Houve resgate de turistas ilhados em hotéis. Na praia de Coroa Vermelha, os turistas de Minas Gerais Abenício da Mota Dourado, de 53 anos, e Rosenilda Ferreiro Dourado, 46, morreram afogados na sexta-feira (21). Eles eram de Ipatinga, a cerca de 200 km da capital mineira. Os dois estavam em Santa Cruz, para passar o feriadão de Tiradentes. Segundo os relatos, Abenício entrou no mar e começou a se afogar. A esposa foi tentar salvá-lo e acabou se afogando também. O mar estava bastante agitado.

Em Porto Seguro, a Prefeitura suspendeu as aulas nesta segunda e terça-feiras em toda a rede municipal de ensino. “A medida visa preservar a segurança e a comodidade dos alunos e profissionais da Educação. As aulas serão repostas dentro do cronograma do ano letivo”, informou a gestão. Todos os órgãos municipais estão mobilizados, para tentar minimizar os estragos provocados pelas chuvas. Em caso de necessidade, a Prefeitura divulgou o contato da Defesa Civil: (73) 98200-2424.

Em Ilhéus, além de alagamentos e desabamentos, uma árvore caiu na BR-415, próximo da zona urbana da cidade, e uma das pistas ficou interditada temporariamente, causando engarrafamento. No sábado, uma reunião de urgência do gabinete de crise discutiu medidas emergenciais para ajudar a população atingida, segundo divulgou a Prefeitura.

Vinte e cinco bombeiros militares de Salvador e de Itabuna, Santo Antônio de Jesus e Teixeira de Freitas foram enviados para reforçar as tropas que atendem a região. Cinco caminhões com sete mil litros de água mineral, mil colchões, mil cobertores e mais de 20 toneladas de alimentos foram enviados para Santa Cruz Cabrália e Ilhéus.

No fim de semana, a Secretaria de Infraestrutura da Bahia (Seinfra) informou o registro de cinco ocorrências em rodovias. Na BA-283, entre Itabela e Guaratinga, houve um rompimento de bueiro durante as chuvas na madrugada de sexta. A empresa responsável pela manutenção da rodovia sinalizou o local e está aguardando a melhoria das condições climáticas para iniciar os serviços de reparo no ponto afetado.

A passagem de veículos permanecia em meia pista. Outros quatro pontos já tiveram o tráfego liberado. Os municípios de Guaratinga e Belmonte também foram afetados. Segundo o Climatempo, a frente fria que provocou a chuva na região se afasta, mas a umidade que vem do oceano ainda será responsável pelo tempo fechado e chuvas frequentes nesta segunda (24). Os volumes altos preocupam, pois atingirão uma área com solo já encharcado. Correio da Bahia