O presidente Michel Temer se reuniu nesta segunda-feira (15) com o diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segovia. O encontro ocorreu no Palácio do Planalto e contou com a participação de Gustavo Rocha, subchefe de assuntos jurídicos da Casa Civil. A reunião não constava da agenda oficial do presidente quando este texto foi publicado.

 

Procuradas pelo blog, fontes do Planalto afirmam que Segovia foi discutir segurança pública com o presidente. Uma proposta envolvendo policiais federais fardados para atuar no policiamento ostensivo, como fronteiras. Após o blog procurar o Planalto, a Secretaria de Comunicação da Presidência atualizou a agenda do presidente com o encontro.

 

O assunto oficialmente ainda não foi divulgado. Procurada pela produtora Ana Paula Andreolla da TV Globo, a assessoria da Polícia Federal disse que não vai se manifestar sobre o encontro entre Segovia e Temer. Nesta semana, Temer vai entregar à PF as respostas das perguntas enviadas a ele pela PF em um inquérito que investiga suposta propina paga ao presidente pela edição de um decreto que beneficiou empresas do setor de portos.

 

O presidente entregará as respostas até quarta-feira (17), segundo o seu advogado. Temer recebeu um questionário com 50 perguntas da Polícia Federal no último dia 3.