Foto: Reprodução/TV Bahia

A tia do jovem Andrei Peroba, de 20 anos, que teve um dos abraços amputados após um acidente em um parque de diversões, em Salvador, foi atropelada por um carro enquanto os familiares faziam um protesto na segunda-feira (19), no bairro de Cajazeiras. O momento foi flagrado pela equipe de reportagem da TV Bahia. A situação aconteceu às 12h18, quando os familiares de Andrei Peroba seguravam cartazes no meio da rua. O motorista do carro, de cor preta, avançou na direção do grupo e atingiu Andressa Peroba, que teve ferimentos leves no joelho. Sentada no chão, ela desabafou sobre a situação do sobrinho. “O carro passou por cima de mim, queria me matar, mas eu não vou calar minha boca. Eu quero justiça pelo meu sobrinho, eu não estou roubando, matando, só quero justiça pelo meu sobrinho”, afirmou. “Ninguém vai calar minha voz. Eu quero justiça por Andrei. Meu sobrinho foi mutilado”, gritou a tia do jovem. G1