Foto: SES

A vacina contra a dengue esgotou nos laboratórios e clínicas particulares da Bahia. Nesta quinta-feira (22), o imunizante está disponível na rede pública apenas para pré-adolescentes com idades entre 10 e 11 anos. Diante do cenário, as clínicas do interior do estado estão com lista de espera de pacientes interessados no imunizante. Na rede particular, as vacinas estavam sendo aplicadas em pessoas entre quatro e 60 anos. Para a imunização, são necessárias duas doses em um intervalo de três meses. Cada dose custa cerca de R$ 400. Em contrapartida, na rede pública de Salvador apenas 2.677 pré-adolescentes com 10 e 11 anos se vacinaram. O valor corresponde a pouco mais de 3% do público alvo – dimensionado em cerca de 87 mil pessoas. Produzida por uma empresa japonesa, a vacina contra a dengue chega em um momento em que o número de casos da doença cresce no Brasil. Na Bahia, entre janeiro e fevereiro deste ano foram registrados cerca de 8,6 mil casos da doença. O número é 21,7% maior do que o número de casos registrados no mesmo período do ano passado. Três mortes já foram registradas. G1